Seu Automóvel

CNH digital estreia em Goiás e chega ao restante do Brasil até fevereiro

Divulgação
Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

10/10/2017 18h01

Conforme antecipado nesta segunda por UOL Carros, o governo federal lançou na tarde desta terça-feira (10) a Carteira Nacional de Habilitação Digital (CNH-e). Os motoristas de Goiás serão os primeiros que poderão utilizá-la -- a estimativa é de que a tecnologia possa ser usada por todos os motoristas do Brasil até fevereiro de 2018.

Na prática, a CNH digital dispensa a presença da carteira de motorista física da posse do motorista. Para usá-la, será preciso baixar um app (gratuito) desenvolvido pela Serpro, empresa de tecnologia da informação do governo federal, que já está disponível para download nos principais sistemas operacionais.

"Hoje estamos dando mais um passo. O Brasil já inovou com a urna eletrônica. Com a CNH digital, o governo dá sua visão sobre a tecnologia como ferramenta de inclusão", afirmou Bruno Araújo, ministro das Cidades do governo de Michel Temer.

Promovido pelo Ministério das Cidades, Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) e a própria Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados), o evento contou com a presença do próprio ministro Bruno Araújo; do governador de Goiás, Marconi Perillo; do diretor do Denatran, Elmer Vicenzi; da diretora-presidente do Serpro, Glória Guimarães; do presidente do Detran-GO, Manoel Ferreira Filho e de outros parlamentares.

Vai ter custo extra? Clique aqui e veja mais perguntas e respostas sobre o recurso.

VEJA MAIS

+ Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
+ Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube:
 https://www.youtube.com/uolcarros
+ Instagram de UOL Carros: https://www.instagram.com/uolcarros/

Reprodução
CNH-e não será obrigatória; versão digital do documento chega a todos os Estados até fevereiro de 2018 Imagem: Reprodução

Como funciona é o app?

A partir de leitura via câmera de celular, gerenciada pelo aplicativo, será possível acessar um banco de dados eletrônico com todas as informações da CNH física, incluindo fotografia.

Em contato com a assessoria da Serpro, UOL Carros obteve a informação de que o aplicativo possui acesso padronizado e aberto a qualquer cidadão. A entidade diz que também há uma versão restrita a agentes de trânsito, que inclui dados como situação legal do veículo (se foi roubado ou tem restrições tributárias) e da própria CNH (histórico de infrações de trânsito e se a carteira está suspensa ou cassada).

Ainda segundo a empresa, estes dados podem ser visualizados mesmo quando o celular está desconectado da internet.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Seu Automóvel

Topo