Salão de Buenos Aires

Ford mostra Ecosport brasileiro com nova cara e motores 1.5 e 2.0; assista

Leonardo Felix, Eugênio Augusto Brito

Do UOL, em Buenos Aires (Argentina) e São Paulo (SP)

07/06/2017 20h51Atualizada em 09/06/2017 12h21

Motor 2.0 é de Focus, preço não foi divulgado e estreia será em agosto

Em evento prévio à abertura do Salão de Buenos Aires, a Ford revelou na noite desta quarta-feira (7) como ficou o Ecosport renovado para o mercado sul-americano, incluindo o Brasil. Sem surpresas, trata-se do mesmo visual que vem sendo mostrado, a conta-gotas, desde novembro. Mas, diferente do carro que chegou a ser exibido até nos Estados Unidos, o modelo sul-americano mantém o estepe externo em todas as configurações, inclusive a Freestyle mostrada no evento.

Feito para o mercado sul-americano como um todo e, principalmente, para o evento argentino, o Ecosport mostrado é fabricado em Camaçari (BA), mesma origem do carro que será vendido no Brasil a partir de agosto. O Salão de Buenos Aires, aliás, serve de prévia para o modelo brasileiro e UOL Carros trará a cobertura completa da apresentação.

No Brasil, o carro entra em regime de pré-venda no final de julho, com chegada às lojas na segunda quinzena de agosto.

Ford Ecosport voltará ser líder com mudanças?

Enquete encerrada

Total de 5524 votos
27,00%
73,00%
Total de 5524 votos

Valide seu voto

captcha

Caso não consiga ler, ouça o que está escrito.

Novos motores

Falando especificamente da apresentação desta noite, ela foi comandada pela atriz brasileira Natália Dill e por Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul. O executivo frisou que o carro sul-americano terá como opções de motorização "um 2 litros renovado, com menores índices de consumo e emissões de poluentes, além do novo motor de 1,5 litro, que equipa esta versão Freestyle", fazendo referência ao carro mais próximo ao palco.

Essas informações batem com a apuração prévia de UOL Carros: o motor 1.5 é o Dragon, de três cilindros, um tanto diferente do 1.5 Sigma que equipa o Ka (por exemplo) e gera 110 cv máximos com etanol.

Já o 2.0 é deixa de ser o Duratec: agora haverá sob o capô o DirectFlex semelhante ao do Focus, com injeção direta e 170 cv máximos (o atual rende 147 cv máximos). Por ora, nada da opção 1.0 turbo que equipará o Ecosport nos EUA (e que já é vista no Fiesta aqui no Brasil). 

Transmissão manual atual (cinco marchas) deve ser mantida, ao passo que a opção sem embreagem deve trocar a criticada caixa Powershift (automatizada de dupla embreagem) por uma automática convencional de seis marchas. Tração é 4x2 nas versões mais acessíveis, mantendo a 4x4 com motor 2.0 como topo de gama.  

Recheio                  

Em termos visuais e de equipamento, o carro exposto tem nova frente, opção de revestimento de couro claro no interior, inédito teto solar e sistema de som com tela central "flutuante" de oito polegadas, Sync 3 e projeção de smartphones com as interfaces Android Auto e Apple Carplay. Novo computador de bordo com funções como monitoramento de pressão dos pneus e volante multifuncional também são atrativos.

Além disso, haverá opção com a Sony para som "premium" com nove alto-falantes. Essa opção, porém, é inferior àquela mostrada em Detroit e em Los Angeles, que usa sistema da B&O, marca jovem da grife Bang & Olufsen.

Novo Ecosport em Las Vegas

Global

Executivos da Ford garantem que o novo Ecosport finalmente terá aspectos de carro global real, sendo vendido até mesmo nos EUA, onde chega em 2018 (sem estepe externo). O Brasil será o primeiro mercado a fabricá-lo e recebê-lo nas lojas, em agosto, sendo seguido pelo Mercosul.

China e mercado asiático receberão a reestilização a partir de 2018. Além de Camaçari, o SUV será fabricado na China, Índia, Romênia e Rússia.

* Viagem a convite da Ford 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Salão de Buenos Aires

Topo