Testes e lançamentos

Ford mantém produção dos Mustang Shelby GT350 e GT350R na linha 2018

Newspress
Shelby GT350 e GT350R 2018 não sofrerão reestilização como restante da família Mustang e manterão visual anterior (foto) Imagem: Newspress

Do UOL, em São Paulo (SP)

Versões preparadas pela divisão esportiva estão no catálogo deste ano

Com importação oficial confirmada para o Brasil e previsão de entrega das primeiras unidades na virada deste ano, o Mustang e seus fãs receberam mais uma boa notícia nesta segunda-feira (17): a Ford anunciou que manterá em produção na linha 2018 as duas versões de alta performance do cupê, ambas com emblema da preparadora Shelby, a GT350 e a GT350R.

Enquanto as demais versões ganharam modificações no capô, grade e faróis, que ficaram mais esguios, câmbio automático de dez marchas e opção de painel 100% digital, nos dois exemplares com logo da Shelby as novidades ficaram restritas a três opções de pintura, todas inéditas: azul, cinza e laranja.

De resto, GT350 e GT350R mantêm o motor V8 de 5,2 litros naturalmente aspirado, de 533 cv e 59,3 kgfm de torque, freios Brembo e amortecedores ativos. A transmissão segue sendo manual com pedal de embreagem, enquanto especulava-se a oferta de transmissão automatizada de dupla embreagem.

Esses Mustang de produção limitada não deverão vir ao Brasil. A versão mais cotada para nosso mercado, a fim de disputar clientes do Chevrolet Camaro, é a GT, exibida no ano passado, ainda como linha 2017, durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Ainda não se sabe se o modelo ficará mais potente na linha 2018, mas atualmente seu motor V8 5.0 aspirado rende 417 cv e 54 kgfm de torque.

Quando chegar às concessionárias da Ford nos Estados Unidos, por volta de setembro, o novo Mustang será oferecido apenas com motor V8 e propulsor 2.3 Ecoboost turbo. A configuração V6 será descontinuada.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo