Segredos automotivos

Chery inicia "Operação Fênix" em 2017 para encarar Corolla e Compass

Leonardo Felix/UOL
Tiggo 7 é promessa para brigar contra o Jeep Compass em 2018 Imagem: Leonardo Felix/UOL

Leonardo Felix, André Deliberato e Eugênio Augusto Brito

Do UOL, em São Paulo (SP)

17/12/2016 08h00

Conheça os novos planos da marca para renascer nos próximos 5 anos

A Chery errou ao iniciar sua operação fabril no Brasil com o Celer, uma família de compactos que chegou em 2015 num segmento extremamente saturado e em queda, devido à crise econômica. A fabricante chinesa promete mudança de rumo em 2017, com foco em sedãs e SUVs médios, segmentos que ainda atraem consumidores. Com cinco modelos, marca quer conseguir entregas, mesmo encarando Toyota Corolla e Jeep Compass, entre outros.

Murilo Góes/UOL
Tiggo 2, mostrado no Salão de SP, chega em meados do ano que vem para matar o atual Tiggo e se posicionar entre hatches aventureiros e SUVs compactos Imagem: Murilo Góes/UOL
Luis Curi, vice-presidente da marca no país, não teve problema nenhum em admitir isso durante encontro de fim de ano com jornalistas nesta sexta-feira (16), em São Paulo (SP). "O problema foi que chegamos buscando um público emergente que parou de comprar carro novo. Mas não adianta chorar o óleo derramado. A hora é de se reerguer", disse.

Segundo Curi, o processo será chamado de "Operação Fênix": "Não estamos nas cinzas, mas será um renascimento", apostou. Para isso, o foco será total em SUVs e sedãs, as duas vertentes mais sólidas do momento em nosso mercado.

Veja o cronograma de lançamentos para 2017 e 18:

+Tiggo 2: entre abril e maio de 2017, com produção local. Crossover (ou hatch altinho, se preferir) baseado no Celer e mostrado no Salão de São Paulo, há um mês, será vendido como "segunda geração" do atual Tiggo, embora seja bem menor.

+Arrizo 3: agosto de 2017, inicialmente importado. Sedã compacto-médio vem equipado com mesmo trem-de-força do Celer -- motor 1.5 flex de 113 cv (etanol) e câmbio manual -- para competir com Chevrolet Cobalt, Renault Logan e Nissan Versa.

+Arrizo 5: setembro de 2017, inicialmente importado. É um três-volumes médio que visualmente lembra o Ford Focus e concorrerá também com Toyota Corolla, Honda Civic e afins. Trará o mesmo propulsor Acteco de 1,5 litro, porém acoplado a transmissão CVT (continuamente variável).

+Tiggo 7: primeiro semestre de 2018, com produção local. Utilitário esportivo médio é substituto do Tiggo 5, velha promessa não cumprida para nosso mercado. Ligeiramente menor, tem visual mais arrojado e com linhas mais curvilíneas, o que o coloca em briga para roubar clientes de Jeep Compass e Hyundai ix35. Na China, conta com interessante motorização 2.0 aspirada ou 1.5 turbo, com opções de câmbio manual, CVT ou automatizado de dupla embreagem.

+Tiggo 9: segundo semestre de 2018, com produção local. Este, mais distante, é um suvão médio-grande ainda não lançado em nenhum mercado e com dimensões e motorização desconhecidas.

UOL Carros também apurou, durante o Salão do Automóvel de São Paulo, que a Chery planeja trazer (e fabricar localmente) até 2019 o Tiggo 4, utilitário urbano que ainda está em fase de desenvolvimento na China -- as primeiras unidades pré-série já estão sendo produzidas, e modelo deve ser mostrado pela primeira vez no Salão de Xangai do ano que vem) e é totalmente pensado para encarar o Honda HR-V. 

Aly Song/Reuters
Arrizo 3, sedã compacto-médio, vem inicialmente como importado, mas plano é nacionalizá-lo Imagem: Aly Song/Reuters

Mande fotos por e-mail ou WhatsApp

Se você fotografar ou filmar um carro diferente e/ou camuflado, envie para UOL Carros, com seu nome completo, RG e/ou CPF, telefone, cidade de residência e local do flagra. A critério da Redação, elas podem ser publicadas, sempre com o devido crédito ao autor. Não há remuneração.

UOL Carros também usa o WhatsApp como forma de receber suas imagens: basta adicionar o número +55 11 9-9955-8532. Segue válida a forma anterior, pelo e-mail uolcarros@uol.com.br.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo