Carros

Paris proíbe carro velho de rodar e motoristas protestam; assista

Da EFE

Em Paris (França)

01/07/2016 20h17

Automóveis movidos a gasolina ou diesel produzidos antes de 1º de janeiro de 1997, assim como motos anteriores a 1º de junho de 1999, estão proibidos de transitar em Paris de segunda a sexta-feira, entre 8h e 20h.

A medida, que tem caráter experimental, se soma à proibição que entrou em vigor há um ano e que impede a circulação de ônibus e veículos pesados registrados antes de 1º de outubro de 2001.

Ambas fazem parte do plano contra a poluição iniciada pela prefeita de Paris, Anne Hidalgo, que pretende erradicar até 2020 todos os veículos a diesel da cidade, assim como os movidos a gasolina que sejam muito poluentes.

"Para mim, a poluição causa problemas de saúde pública. E saúde pública não se negocia", declarou Hidalgo recentemente em entrevista à emissora "BMFTV".

Série de restrições

A Prefeitura de Paris também prevê proibir, a partir de 1º de julho de 2017, o trânsito de veículos pesados na categoria Euro 3 (registrados antes de outubro de 2006) e os veículos particulares ou utilitários a diesel Euro 2 (anteriores a janeiro de 2001).

A série de medidas inclui, além disso, multas de 35 euros para os infratores e a implantação de um sistema de cores obrigatórias a partir de julho de 2015. Serão instalados adesivos nos vidros dos carros para indicar o nível de poluição de cada veículo.

Para incentivar a renovação da frota parisiense -- de 750 mil veículos --, a Prefeitura oferece uma ajuda de 400 euros (quase R$ 1.100) aos moradores que deixarem de lado os carros considerados como mais poluidores (cerca de 50 mil), anteriores a 1997.

Paris é a primeira cidade francesa que implanta esse tipo de restrição, apesar do plano de Hidalgo fazer parte da iniciativa da ministra de Ecologia do país, Ségolène Royal, para melhorar a qualidade do ar.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo