Topo

Carros

C3 ganha motor 1.2 do 208 para entrar na lista de supereconômicos

Divulgação
C3 com motor 1.2 promete fazer 16,6 km/l na estrada com gasolina, índice abaixo apenas do coirmão 208 entre os modelos movidos a combustão avaliados pelo Inmetro Imagem: Divulgação

Leonardo Felix

Do UOL, em São Paulo (SP)

23/05/2016 12h40

A Citroën anunciou, nesta segunda-feira (23), que iniciará em junho as vendas do compacto C3 equipado com motor 1.2 3-cilindros flex da família PureTech, o mesmo que já equipa as versões de entrada do Peugeot 208.

Importado da França e preparado para entregar 84/90 cv e 12,2/13 kgfm (gasolina/etanol), o propulsor entra na gama substituindo o velho 1.5 4-cilindros de 93 cv. O C3 1.2 PureTech será vendido a partir de R$ 46.490, ficando R$ 1,5 mil mais caro do que a linha anterior.

As três versões oferecidas anteriormente com a unidade de 1,5 litro passarão a contar com a de 1,2 litro. Confira a lista completa de preços, obtida em primeira mão por UOL Carros:

C3 1.2 2017 Origine -- R$ 46.490
C3 1.2 2017 Attraction -- R$ 49.990
C3 1.2 2017 Tendance -- R$ 52.690 

Divulgação
C3 1.2 chega em substituição às antigas versões 1.5 e sem mudanças no visual Imagem: Divulgação

Dupla econômica

O C3 1.2 chega com uma missão: formar com o 208 a dupla de compactos movidos a combustão mais econômicos à venda no Brasil.

Conforme a última lista do Programa de Etiquetagem do Inmetro, o coirmão da Peugeot ocupa atualmente o primeiro lugar nessa lista, apresentando média 16,9 km/l na estrada quando abastecido com gasolina. Somente o híbrido Toyota Prius supera essa marca.

Divulgação
Insígnia no canto inferior esquerdo da tampa do porta-malas é a única indicação de que houve mudança no hatch Imagem: Divulgação
No caso do C3, devido a diferenças de peso e coeficiente aerodinâmico (índices ainda não divulgados oficialmente pela Citroën), a média será ligeiramente inferior: 16,6 km/l sob as mesmas condições. Por enquanto não há dados oficialmente divulgados acerca de consumo com etanol ou na cidade com gasolina.

De qualquer forma, o índice alcançado em rodovia sob uso do combustível derivado do petróleo já é capaz de deixá-lo em terceiro no ranking geral, empatado com o Ford Fusion Hybrid, e em segundo quando descartados os veículos auxiliados por propulsão elétrica.

Esta não deve ser sua única vantagem. Conforme já atestado por UOL Carros em teste com o 208, o motor PureTech é atualmente o 3-cilindros mais suave e calmo em relação a ruídos e vibrações, pelo menos quando colocado no cofre do 208.

Desempenho também surpreende, especialmente pela boa entrega de força em baixas rotações. A expectativa é que o padrão se mantenha no C3. 

Divulgação
Por dentro, C3 conta com central que espelha celulares desde fevereiro deste ano Imagem: Divulgação

Sem mais mudanças

De acordo com a Citroën, a troca de motores será a última alteração na gama do C3 para 2016 -- a primeira foi a inclusão da central multimídia do Aircross, capaz de espelhar celulares via Apple CarPlay e Mirror Link.

Não há previsão para facelift no modelo este ano. A reestilização pode ficar para algum momento do ano que vem, assim como a entrada do câmbio automático de seis marchas nas versões 1.6 de topo.

A PSA já trabalha para adaptá-lo à plataforma de compactos produzidos em Porto Real (RJ) e, finalmente, poder aposentar a obsoleta caixa de quatro velocidades, conforme mostra este flagra dos parceiros do Carsale.

Mais Carros