Carros

Renault Sandero Rip Curl tira onda de descolado a R$ 54.650; assista

Eugênio Augusto Brito

Do UOL, no Guarujá (SP)

14/12/2015 19h31

Lançar versões com apelo aventureiro, visual descolado ou estilo jovem é estratégia comum das montadoras para alavancar vendas de alguns modelos -- UOL Carros já falou sobre o assunto. Desta vez, experimentamos a segunda edição do Renault Sandero Stepway Rip Curl, limitada a 4.600 carros e baseada na variante mais altinha do hatch.

Com preço inicial de R$ 54.650 (com câmbio manual de cinco marchas) ou R$ 57.450 (a automatizada Easy’R, também de cinco velocidades), o Sandero Rip Curl aposta no apelo surfista, ainda que puramente estético, e no pacote de equipamentos bem completo. Externamente, há emblemas e adesivos específicos, além de retrovisores, rodas aro 16 e barras no teto pintados na cor cinza inox. No interior, adesivo também na soleira das portas, molduras das saídas de ar e revestimento dos bancos com detalhes em vermelho e acabamento que lembra (só lembra) o neoprene das roupas de surfistas.

De série, rodas de 16 polegadas com pneus 205/55 (que podem ser de liga leve, opcionalmente), ar-condicionado automático, piloto automático (limitador e controlador de velocidade), sensor de estacionamento, direção hidráulica e trio elétrico (vidros, travas e retrovisores), Media NAV Evolution (GPS, rádio, computador de bordo e integração com redes sociais e rádios online via aplicativo específico), além do motor 1.6 de 106 cv e 15,5 kgfm com etanol. É um recheio que agrada.

Mas fica nítida a "tiração de onda" sem uma preocupação mais esportiva na paleta limitada -- que inclui apenas as cores branco Neige, preto Nacré, prata Étoile e vermelho Vivo --, bem como na ausência de equipamento para o transporte das pranchas de surfe: o rack de teto incluso é estético e precisa de barras transversais que são vendidas como acessório e custam originalmente R$ 1.200 (a marca informou buscar uma parceria para reduzir o custo pela metade na série especial). O formato do banco, com a parte superior do encosto recuada demais (algo comum ao projeto de Sandero e Logan) também incomoda e cansa qualquer motorista -- esportista ou não -- após algum tempo de viagem. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo