Topo

Carros

Land Rover Discovery Sport, futuro nacional, ganha versão a diesel

Discovery Sport manda bem em segurança
1 | 2

Do UOL, em São Paulo (SP)

27/10/2015 18h14

Primeiro carro da Land Rover a sair da linha de montagem de Itatiaia (RJ), cidade onde a marca ergue sua fábrica, o SUV Discovery Sport -- que desde que chegou ao Brasil, em abril, é vendido via importação com motor a gasolina -- traz novidades na linha 2016. A maior delas é a adoção de um motor 2.2 turbodiesel. Além disso, há algumas novidades no catálogo de equipamentos das versões de entrada.

A nova configuração custa a partir de R$ 218.100 (até R$ 36.600 a mais que versões equivalentes com motor a gasolina) e pode chegar a R$ 270.700 -- todas importadas do Reino Unido. O motor utilizado é um 2.2 de quatro cilindros, 190 cavalos e 43 kgfm de torque. O câmbio é o mesmo automático de nove marchas das configurações a gasolina. Seu maior trunfo, de acordo com a empresa, é a autonomia, que pode chegar a 900 quilômetros com apenas um tanque.

Bem equipado

Assim como no Discovery a gasolina, são três versões de acabamento: SE (R$ 218.100); HSE (R$ 242.700) e HSE Luxury (R$ 270.700). Os pacotes são idênticos e trazem, desde a primeira configuração, tração integral com o conhecido sistema All-Terrain da marca (para diversos usos no off-road), controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, ignição e acesso ao veículo sem uso da chave, ar-condicionado digital de duas zonas, sensor de estacionamento com câmera de ré e sistema de entretenimento com tela de oito polegadas.

Nas configurações mais caras ainda é possível encontrar luzes diurnas em LED, bancos com regulagem elétrica e memorizador, teto solar panorâmico e, como todo carro da família Discovery, terceira fileira de bancos.

Recentemente, a marca também confirmou que o Range Rover Evoque 2016, de cara nova, também será montado na fábrica fluminense.

Mais Carros