Carros

Duster colombiano é 4 estrelas em segurança com ressalvas; assista

Do UOL, em São Paulo (SP)

30/09/2015 12h15

A mais recente bateria da fase 6 do Latin NCAP (instituto que avalia a segurança dos veículos vendidos na América Latina), divulgada nesta quarta-feira (30), mostrou testes de impactos de dois veículos que não são vendidos no Brasil: o Renault Duster feito na Colômbia e o Nissan Tiida Sedan fabricado no México.

Entretanto, a avaliação do SUV da marca francesa interessa muito para os brasileiros. Apesar de ter visual antigo, contar com apenas um airbag frontal, o de motorista, e não possuir freios com sistema ABS (antitravamento), ele usa a mesma base do Duster produzido em São José dos Pinhais (PR), o que significa que o comportamento de sua estrutura em um acidente tende a ser muito similar àquele do Duster brasileiro.

Para conferir o desempenho, basta assistir ao vídeo que abre a matéria. 

Os problemas do Duster

Divulgação
Ausência de airbag para o passageiro e de freios ABS; comportamento "instável" da cabine: estes foram alguns problemas que quase rebaixaram nota do Duster Imagem: Divulgação
Na aferição do Latin NCAP, o utilitário colombiano ganhou quatro estrelas na proteção para adultos, nota considerada boa, mas que foi aplicada cheia de ressalvas. Segundo o órgão, a ausência de bolsa protetora frontal para o passageiro gera "grandes riscos" de contato da cabeça com o painel, embora o cinto tenha segurado o boneco na simulação de impacto frontal a 64 km/h.

Sem pré-tensionadores nos cintos, o Duster também ofereceu, de acordo com o instituto, proteção "marginal" para os troncos. Além disso, o comportamento do habitáculo foi considerado "instável", oferecendo dificuldades para abrir as portas e resgatar os protótipos após a batida. Apesar dos problemas, o modelo ofereceu boa segurança para cabeça e pernas, ficando "no limite" das quatro estrelas.

Já na avaliação para crianças que vão no banco de trás, a falta de ganchos para cadeirinhas infantis comprometeu a segurança, especialmente em relação ao boneco que simula um bebê de 18 meses. Este apresentou movimento muito brusco de pescoço no decorrer do choque. Resultado: duas estrelas.

Tiida

Testado na configuração sedã, o Nissan Tiida, que já foi vendido no Brasil de 2007 a 2013, recebeu o mesmo número de estrelas do Duster: quatro e duas, respectivamente. Porém, o veículo produzido no México se mostrou muito mais eficiente em proteção para adultos, já que estava munido de dois airbags frontais e cintos dianteiros com pré-tensionadores.

Como nenhum dos dois carros alcançou cinco estrelas, o único crash-test efetuado foi o frontal. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo