Carros

Toyota revela novo Fortuner, nosso Hilux SW4, que chega em 2016

Do UOL, em São Paulo (SP)

16/07/2015 15h06

Após diversos flagras e teasers, a Toyota revelou nesta quinta-feira (16) a nova geração do SUV Fortuner, modelo asiático que corresponde ao Hilux SW4 vendido no Brasil e na América do Sul.

Mostrado simultaneamente na Austrália, Tailândia (seus maiores mercados globais e países no qual o carro foi desenvolvido) e no Oriente Médio, o utilitário está previsto para nestes países em novembro.

Assim como ocorre com a nova Hilux, ainda não há previsão oficial para a chegada dos modelos ao Brasil, mas espera-se por novidades em meados de 2016.

Descolou da Hilux

Derivado da Hilux apresentada no mês passado, o novo SW4 ganhou desenho mais moderno e se descolou totalmente (no estilo) da picape Hilux. Com visual dianteiro bem invocado com faróis afilados, o modelo acaba lembrando modelos europeus, como Volkswagen Touareg. Já a traseira com lanternas ultrafinas e régua cromada unindo as peças lembra modelos coreanos, caso do Hyundai Grand Santa Fe (repare nas lanternas). Ainda assim, o principal rival segue sendo, claro, o Chevrolet Trailblazer.

Esta nova nova linguagem de estilo da Toyota é chamada de Keen Look (literalmente "visual arrojado") e começou com a atual geração de RAV4 e Corolla, mas que se intensifica em modelos mais recentes, como o Mirai e agora a linha de utilitários.

Em termos de espaço, o novo SW4 tem 4,80 metros de comprimento (aumento de 10 cm em relação ao atual), 1,86 m de largura (2 cm a mais), 1,84 m de altura (+1 cm) e 2,75 m entre eixos (o mesmo). Ele mantém a arquitetura para receber sete pessoas.

Conteúdo

No mercado australiano, o Fortuner será equipado com o motor GD quatro-cilindros, 2.8 turbodiesel, de 177 cv e torque entre 42,8 kgfm (manual) e 45,9 kgfm (automático) que estreou na HIlux -- as duas caixas de câmbio têm seis marchas. Em alguns países específicos, o carro também deverá utilizar um motor 2.7 a gasolina de 160 cv (também com o câmbio manual de seis marchas).

Talvez a maior novidade tecnológica, o SUV deixa de usar a antiquada alavanca para acionar a tração 4x4 e a marcha reduzida: agora, tudo é feito eletronicamente por meio de um botão. Serão três versões de acabamento (GX, GXL e Crusade) e, entre os destaques, estão itens como controles de tração e estabilidade, câmera de ré, auxiliador para partidas em rampa e um sistema de entretenimento completo. Nas versões mais caras, há rodas de 18 polegadas, luzes de LED, porta-malas com acionamento elétrico por botão e sensores de estacionamento.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo