Carros

Mercedes chama 23 unidades do C200 por cinto que pode se soltar

Divulgação
Cintos traseiros do Classe C 2015 podem se destravar sozinhos em colisão frontal Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

20/02/2015 19h08

A Mercedes-Benz anunciou nesta sexta-feira (20) que 23 unidades do novo Classe C (versão C200), produzidas entre 15 e 24 de outubro de  2014, precisarão comparecer a uma concessionária autorizada da marca para verificar a necessidade de troca dos cincos de segurança traseiros.

Segundo a empresa, existe a possibilidade de os equipamentos destravarem-se das fivelas em colisão mais fortes, o que poderia causar sérios danos físicos aos ocupantes destes assentos e aos próprios passageiros dos bancos dianteiros. 

A lista de chassis dos modelos envolvidos, não seqüencial, está compreendida entre o intervalo de WDDWF4CW0FF113457 a WDDWF4CWXFF116740. Para mais informações, a fabricante pode ser contactada por meio do telefone 0800 970 9090 ou pelo próprio site www.mercedes-benz.com.br.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo