Carros

Entrar no Salão ficou mais fácil, mas calor no Anhembi é problema; assista

Reprodução
Chegada ao Salão de São Paulo: mais catracas, menos aglomeração Imagem: Reprodução

Leonardo Felix

Colaboração para o UOL, em São Paulo (SP)

30/10/2014 23h22

O clima do Salão de São Paulo no primeiro dia de público, nesta quinta-feira (30) foi tranquilo. Sem tumultos, os visitantes aguardaram a abertura das catracas numa longa fila. Perto das 14h, horário em que portões seriam liberados, o sol escaldante já incomodava, mas não desanimava quem esperou tanto tempo para, enfim, curtir as novidades do evento.

Erick Oliveira era um deles. O estudante de São Paulo (SP) chegou ao Anhembi cinco horas antes da abertura, e acabou sendo o primeiro da fila. "Vim cedo porque queria me garantir no test-drive do Audi R8. Só não imaginava que ficaria na ponta da fila", contou.



Quando chegou a hora, todos marcharam rumo às catracas com passos rápidos, mas sem correria. A ampliação do acesso reduziu a aglomeração, mas os 145 novos climatizadores de ambiente não deram conta do recado e, em poucos minutos, a sensação já era similar à de uma sauna -- a quem for ao Salão nos próximos dias, a dica é usar roupas leves para amenizar o calor, e se manter sempre muito bem hidratado.

Caso de polícia

  • Imagem: Alessandro Reis/UOL
    Alessandro Reis/UOL
    Imagem: Alessandro Reis/UOL

    Cambistas atuam dentro do Anhembi

    Cambistas agiam à vontade no estacionamento do Anhembi e perto da entrada do pavilhão pouco depois da abertura do Salão. A reportagem de UOL Carros foi abordada por três deles ainda dentro do carro. Outros casos de ações de cambistas foram vistos em seguida. Pelo menos cinco cambistas teriam sido detidos por investigadores até o final da tarde.

Ao longo dos 11 dias de visitação, a organização da mostra espera receber 750 mil pessoas, número semelhante ao alcançado em 2012. "Não dá para crescer mais devido às limitações do espaço físico", admitiu Paulo Octávio Pereira de Almeida, vice-presidente da Reed Exhibition Alcantara Machado, promotora da mostra, em entrevista concedida há algumas semanas.

Confira no vídeo acima como estava o clima do primeiro dia de Salão. É só dar play.

TUDO SOBRE O SALÃO

  • Local

    Pavilhão de Exposições do Anhembi Av. Olavo Fontoura, 1.209, Santana, São Paulo (SP)

  • Preços oficiais (clique para comprar online)

    R$ 80 (meia: R$ 40) Os preços são os mesmos online e na bilheteria. Fãs do Salão no Facebook têm descontos especiais.

  • Horário

    Domingo (9): 11h às 19h (entrada até as 17h)

  • Como chegar e voltar

    O ideal é utilizar transporte público. Há ônibus gratuito (ida e volta) ao Anhembi partindo da estação Tietê do Metrô (1-azul) nos dias da semana, e do Terminal Rodoviário/Metrô Barra Funda (3-Vermelha) nos finais de semana. O shuttle começa uma hora antes da aberturae vai até uma hora após o encerramento. Estacionamento (portão 38): carros e vans, R$ 40; motos, R$ 30; ônibus/microônibus, R$ 70.

  • Dicas

    Apesar da instalação de clmatizadores, o Anhembi continua muito abafado. Use roupas leves, calçados confortáveis e hidrate-se com frequência. Existem opções de fast-food na parte interna do Anhembi, mas o ideal é chegar bem alimentado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo