Carros

Mercedes-AMG GT é o esportivo mais bonito do mundo, diz designer; assista

Eugênio Augusto Brito

Do UOL, em Paris (França)

20/10/2014 08h00Atualizada em 20/10/2015 19h32

O estande da Mercedes-Benz no Salão de Paris 2014 é, provavelmente, o mais interessante para o Brasil. Tudo o que está exposto no espaço -- os novos Classe B e C 63 com mão da AMG, a nova geração do Smart -- vai chegar ao país em algum momento (e falarei mais disso logo abaixo). A grande estrela, porém, é o esportivo Mercedes-AMG GT.

Mesmo sem ser sucessor direto do SLS (os portes são diferentes), o AMG GT assume a posição de "carro dos sonhos" da marca. Também por ser menor será mais barato e assim vai competir com Porsche 911 e, claro, vender mais unidades. Deve chegar às lojas europeias com preço próximo aos 115 mil euros, enquanto o "asa de gaivota" custava 225 mil euros.

O Brasil também verá o novo esportivo da Mercedes logo: a marca tem tudo para trazê-lo já para o Salão do Automóvel de São Paulo, agora no final de outubro. Se o passaporte não ficar pronto a tempo, já há uma data para chegada às lojas: maio de 2015. Como não quis esperar até lá, chamei já o designer da AMG Robert Lesnik para explicar o que o carro tem de melhor.

Lesnik falou sobre tamanho, soluções para fazer um modelo mais compacto e arrebatador, sobre o motorzão V8 dianteiro-central com dois turbos (rende de 468 a 514 cv, a depender da versão), mas ressaltou por diversas vezes aquilo que acha a característica mais marcante do GT: a beleza. "Impressionante", "único", "diferenciado" foram palavras usadas para marcar essa impressão. E você pode assistir à videorreportagem para perceber que o designer não fugiu sequer da comparação com o brasileiro Volkswagen SP2. Vale a pena!

NOVIDADES DE MONTE
Voltemos agora às demais novidades da marca. O facelift do Classe B, por exemplo, está garantido para o Salão de São Paulo e chega às lojas no primeiro trimestre de 2015. Com a nova cara, o monovolume se alinha aos demais compactos da Mercedes (Classe A, CLA e GLA).

O poderoso C 63 mudou de nome. Como é feito em parceria com a AMG, o Classe C enfurecido passa a usar a nova assinatura dessa aliança: antes era Mercedes-Benz C 63 AMG; agora é Mercedes-AMG C 63. Fica menor, mais fácil de ler, de colocar na carroceria (haja espaço para tantas letras sobre a tampa do porta-malas, não?) e dá mais ar de grife à coisa. Pode aparecer com seus 510 cv no Anhembi, mas sua chegada às lojas do Brasil será em junho de 2015.

Como UOL Carros já contou, o pequeno smart mudou -- usa base do Renault Twingo -- e por conta disso levará mais tempo para desembarcar em nosso país: só em 2016.

Viagem a convite da Anfavea

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo