Carros

Jeep Renegade, nacional em 2015, é visto sob disfarce em Betim (MG)

Do UOL, em São Paulo (SP)

15/08/2014 16h22

Não é mais segredo que o SUV compacto Renegade será produzido no Brasil em 2015 -- na fábrica que a Jeep constrói em Goiana (PE). Devido a isso, os primeiros flagras do modelo rodando pelo país começam a surgir desde já, ainda concentrados na cidade mineira de Betim, atual sede da Fiat do Brasil.

É o que provam as fotos tiradas por Alexandre Gontijo, leitor de UOL Carros. Segundo ele, o utilitário roda nas proximidades da fábrica da Fiat e as fotos foram feitas no horário de pico desta quinta-feira (14). "Apenas um adesivo cobria a logo da Jeep no centro das rodas", conta.

Alexandre Gontijo/UOL
Jeep Renegade foi visto pelo leitor Alexandre Gontijo em Betim (MG) Imagem: Alexandre Gontijo/UOL
"Também foi possível ver o interior totalmente sem disfarces. Visualmente ele me pareceu idêntico ao do carro apresentado no exterior", completa.

O Renegade foi apresentado no Salão de Genebra deste ano. Recentemente UOL Carros foi a Toledo, onde fica uma das plantas da Jeep nos Estados Unidos, para conhecer como será a fabricação do jipinho por aqui. A marca também já afirmou que o carro terá preço para enfrentar de EcoSport a ix35.

COMO ELE É
O Renegade chama a atenção pela robustez, com estilo que se aproxima um pouco ao do Mitsubishi TR4 e porte de Ford EcoSport. São 4,23 metros de comprimento, com entre-eixos de 2,57 m (o SUV da Ford tem 4,24 m e 2,52 m, respectivamente).

Alexandre Gontijo/UOL
Repare no centro das rodas: logo da Jeep foi escondido Imagem: Alexandre Gontijo/UOL
Por dentro, apesar da semelhança com carros da Fiat em muitos aspectos, a percepção de qualidade supera bastante a encontrada nos rivais. O acabamento Jeep aplica cores contrastantes sobre plástico duro (mas bem executado) e foge do padrão sóbrio (sem graça) de outros modelos.

A motorização também trará inovações. Globalmente, serão cinco motores (1.4 Multiair turbo de 162 cavalos, 1.8 E-torq europeu aspirado de 134 cv e 2.4 Multiair turbo de 172 cv, todos a gasolina, além de 1.6 diesel de 120 cv e 2.0 diesel de 172 cv) e quatro opções de câmbio (cinco e seis marchas manual, seis marchas automatizado com dupla embreagem e nove marchas automático.

Para o Brasil, está confirmado o 2.0 diesel 4x4 para aplicações mais robustas, com câmbio manual de seis marchas. UOL Carros aposta ainda em versões 4x2 de entrada com motor E-torq nacional (flex) e câmbio de cinco marchas. É inviável acreditar em uma versão com motor 2.4 Multiair (Tigershark), um dos mais avançados da Fiat-Chrysler, bem como no uso de câmbio automatizado. O automático deve ficar para depois.

Alexandre Gontijo/UOL
Modelo será produzido no Brasil em 2015, na fábrica de Goiana (PE) Imagem: Alexandre Gontijo/UOL
Se você fotografar ou filmar um carro diferente e/ou camuflado, envie para UOL Carros, com seu nome completo, RG e/ou CPF, telefone, cidade de residência e local do flagra. A critério da Redação, elas podem ser publicadas, sempre com o devido crédito ao autor. Não há remuneração.

Para enviar, use o e-mail uolcarros@uol.com.br

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo