Carros

SUV do Citroën C3 é visto na China

Do UOL, em São Paulo (SP)

06/08/2014 14h03

As primeiras imagens da versão de produção do C3-XR, SUV que concorreria com Ford EcoSport, Renault Duster e demais utilitários compactos no Brasil, foram reveladas na China. O modelo aparece apenas quatro meses após a apresentação de sua versão conceitual, batizada de C-XR, no Salão de Pequim 2014.

As fotos, mostradas pelo site carnewschina.com, foram retiradas de catálogos criados para concessionários e mostram que o visual é praticamente o mesmo que o do protótipo exibido no Salão. A estreia do carro, de acordo com a imprensa local, é aguardada para o Salão de Guangzhou, em dezembro, com início de vendas nas semanas seguintes, mas ainda neste ano.

carnewschina.com
C3-XR pertence ao mesmo segmento de Ford EcoSport, Renault Duster e cia Imagem: carnewschina.com
Ainda segundo a mídia chinesa, o C3-XR será vendido com motor 1.8 (ainda sem detalhes técnicos) e com o já conhecido 1.6 turbo (THP), com até duas opções de potência: 163 cv e 24,5 kgfm de torque ou 200 cv e 28 kgfm.

QUE CARRO É ESSE?
O Citroën C3-XR é um utilitário esportivo compacto que será, neste primeiro momento, fabricado na China pela joint-venture entre PSA Peugeot Citroën e a chinesa Dongfeng -- trata-se, aliás, do primeiro veículo desenvolvido após a definição da parceria entre as duas fabricantes.

carnewschina.com
Imagens vazadas foram retiradas de catálogos criados para concessionários Imagem: carnewschina.com
Porém, ainda não se pode afirmar, mas nem descartar, uma possível fabricação brasileira: a plataforma sobre a qual o C3-XR é produzido é a mesma de Peugeot 2008, 208 e do próprio Citroën C3, conhecida mundialmente como PF1, que já existe na fábrica da PSA em Porto Real (RJ). Haveria, claro, um certo canibalismo (disputaria de mercado entre carros da mesma família) entre C3-XR e Peugeot 2008 nacionais, mas em cima disso a PSA poderia trabalhar para afastá-los mercadologicamente (deixando, por exemplo, o 2008 com as versões de entrada e o C3-XR com as topo de gama, possivelmente equipadas com o motor 1.6 turbo).

Dessa forma, o SUV do C3 preencheria um importante espaço na gama brasileira da Citroën, já que atualmente sobram monovolumes (C3 Picasso, Aircross, C4 Picasso e Grand C4 Picasso) e falta um jipinho. Importante lembrar que o europeu C4 AirCross não pode ser vendido no Brasil devido a limitações da marca com a Mitsubishi -- ele é um "rebadging" do ASX; a Peugeot tem, na mesma plataforma, o 4008.

Claudio Luis de Souza/UOL
Mudanças entre o conceito (foto) e a versão de produção foram mínimas Imagem: Claudio Luis de Souza/UOL

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo