Carros

Volvo V40 Cross Country, "aventureiro" mais caro, pode custar R$ 191 mil

Leonardo Felix

Colaboração para o UOL, em Itu (SP)

19/03/2014 21h30Atualizada em 19/03/2014 21h30

Uma moda restrita a modelos populares -- Palio Adventure, CrossFox, Etios Cross, HB20X e afins -- chega pela primeira vez ao chamado segmento premium. Nesta quarta-feira (19), a Volvo lançou no Brasil o V40 Cross Country, versão aventureira do hatchback que substituiu o C30 em 2012.

O V40 CC começará a ser vendido nas concessionárias ainda neste mês pelo preço inicial de R$ 141.500, ou R$ 18.550 mais caro que o V40 T4 Dynamic de entrada. A principal novidade -- e um bom argumento para a Volvo negar que apenas aderiu a uma "modinha" -- é a presença da tração integral, com distribuição independente de torque para as quatro rodas. No visual, a grade frontal ganhou formato colmeia e os parachoques ficaram mais robustos, agregando protetores contra pequenos impactos que formam faixas pretas sobre os faróis de neblina e saídas do escape -- tudo bem típico de "aventureiros urbanos", aliás.

A montadora sueca também incluiu luzes diurnas de LED na parte posterior dos faróis, rodas aro 18 de liga leve, molduras e espelhos estilizados e suspensão 4 cm mais alta, além de 14 opções de cores para o exterior e oito configurações diferentes para o revestimento dos bancos de couro. Tudo isso incluído no valor inicial. Para ter o V40 CC "completaço", é preciso gastar quase R$ 200 mil.

  • Divulgação

    Em piso regular, distribuição de torque direciona 95% da tração para as rodas dianteiras; na terra (foto), índices podem chegar a 50% para cada eixo (e variar nas rodas)

O PREÇO DE SER COMPLETO
Faça as contas: só para ter de verdade o "carro mais seguro do mundo" (como a própria marca propaga) é preciso gastar R$ 15.000 com o pacote Safety, que acrescenta airbag externo para pedestre, assistente de pontos cegos, controle de cruzeiro adaptativo (ACC), alertas ao condutor e de tráfego lateral, protetor contra impactos laterais, detector de pedestres e ciclistas com frenagem automática, leitura digital de placas de sinalização e aviso de mudança de faixa sem luz de seta.

Para deixar o carro mais tecnológico, o pacote High Tec sai por R$ 10.000, com assistente de estacionamento com sensores traseiro e dianteiro, navegação GPS, câmera de ré e leitor de DVD. Incrementar a plataforma multimídia com o sistema Sensus, contendo wi-fi via modem 3G, auxílio de fluxo de trânsito, 80 mil estações de rádio e localização de assistentes autorizados Volvo mais próximos, entre outros itens, custa R$ 7.640. Aerofólio traseiro estilizado, R$ 2.460; e rodas personalizadas de aro 19, R$ 14.949

Total: R$ 191.549. Pode-se afirmar, pois, que o Volvo V40 Cross Country é -- bem de longe -- o aventureiro mais caro do Brasil.

DURO DEMAIS

  • Divulgação

    Faz falta no V40 Cross Country um ajuste diferente das suspensões para trajetos off-road; conjunto possui configuração original bastante rígida, fazendo sentir ainda mas as imperfeições de um piso de terra.

Segundo a fabricante, o objetivo é vender 300 unidades/ano (10% de sua cota de importações) e atingir um público urbano, mas que aprecie ter contato com "estradas, praias ou sítios" com certa frequência.

Mas não muita. Apesar do nome, o V40 Cross Country é um citadino nato, pois nem a tração integral tira a sensação de incompatibilidade ao rodar com ele por uma estrada de terra batida, cheia de ondulações.

Foi o que constatou UOL Carros ao fazer um teste de cerca de 190 quilômetros, entre São Paulo e Itu (SP), pegando trechos de cidade, rodovias e terra. Muito disso vem da suspensão extremamente rígida. Em contrapartida, numa via plana, a sensação é de total conforto e estabilidade, aumentada pelos bancos tipo concha com regulagem automática de distância e altura (só no assento do motorista), pedais leves e direção elétrica com três níveis de dureza.

O motor é o mesmo 5-cilindros turbo, de dois litros, da versão esportiva T5 R-Design, que oferece 210 cv de potência a 6.000 rpm, e 30,6 kgfm de torque entre 2.700 e 5.000 giros. Junto à transmissão automática de seis marchas, proporciona força e respostas excelentes, com ruído agradável e trocas suaves, mesmo em rotação alta.

Em resumo, é um carro ideal para se "aventurar" em seu habitat natural: vias pavimentadas e bem conservadas. Não arriscar off-road com o V40 CC não vai fazer nenhuma falta.

Viagem a convite da Volvo

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo