Carros

IPI de carro 1.0 flex vai a 3% e, em julho, a 7%; valores seguem até 2017

Da Agência Brasil

Em Brasília (DF)

24/12/2013 12h15Atualizada em 24/12/2013 13h20

O governo federal anunciou nesta terça-feira (24) decreto que aumenta as alíquotas do IPI (imposto sobre produtos industrializados) dos automóveis, com previsão de manutenção dos valores até 2017, ano em que se encerra a etapa atual do programa Inovar-Auto -- regime que obriga maior índice de nacionalização da produção de veículos no Brasil.  

Veja como fica o IPI para cada tamanho de motor (a partir de 1º de janeiro de 2014):

Motor flex até 1 litro -- 3% até 30/6; após, 7%
Motor flex entre 1 e 2 litros -- 9% até 30/6; após, 11%
Motor a gasolina, 1 a 2 litros -- 10% até 30/6; após, 13%

Utilitários -- 3% até 30/6; após, 8%
Utilitários de carga -- 3% até 30/6; após, 4%
Caminhões -- isentos

Na semana passada, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, havia antecipado que o IPI para os veículos voltaria a subir em 2014, apesar dos pedidos das montadoras e do impacto sobre os preços. As alíquotas atuais têm descontos extraordinários (além dos 30 pontos de abatimento para montadoras aderentes ao Inovar-Auto), determinados pelo governo federal para estimular as vendas do setor automotivo.

O secretário interino da Fazenda, Dyogo Henrique de Oliveira, disse nesta terça que o governo ainda não sabe como as mudanças no IPI vão afetar os preços dos automóveis. "Não calculamos ainda os impactos na inflação porque existem vários fatores a serem considerados, como os estoques, por exemplo". Ele explicou também que o governo vai acompanhar o impacto do reajuste, para confirmar os valores que vão vigorar a partir de 1º de julho de 2014.

O que certamente vai acontecer é, até o final do ano, as revendas alardearem seus carros como as "últimas unidades zero-quilômetro sem o IPI". É só aguardar.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo