Carros

Atualizada em 20.10.2015 18h20

Chevrolet Camaro 2014, reestilizado, sobe para R$ 210 mil; veja e opine

Do UOL, em São Paulo (SP)

A General Motors do Brasil apresentou nesta sexta-feira (11) o Chevrolet Camaro 2014. O esportivo recebeu a atualização visual apresentada globalmente em março, durante o Salão de Nova York, e ficou mais caro: custa agora R$ 210 mil. Lançada em outubro de 2010, a atual geração chegou por R$ 185 mil; o modelo 2013 vinha sendo vendido por R$ 200 mil.

Como a Ford não importa oficialmente o Mustang, seu grande rival nos EUA, e esportivos alemães de mesma potência custam o dobro do preço, a Chevrolet afirma que o Camaro não tem concorrentes diretos no Brasil. Desde o início da importação oficial, foram emplacadas cerca de 3.500 unidades. Artistas populares (como na canção "Camaro Amarelo") e esportistas (como Anderson Silva) ajudaram a bombar o modelo. 

O Camaro continuará sendo importado ao Brasil apenas na configuração mais completa, SS, com motor 6.2 V8 (406 cv de potência e 56,7 kgfm de torque) e transmissão automática de seis velocidades. A tração é traseira.

  • Murilo Góes/UOL

    Camaro trocou os faróis com visual redondo por um conjunto óptico mais contemporâneo

ESTILO RENOVADO
Segundo a Chevrolet, o design foi atualizado, mas sem perder o conceito original e a inspiração na primeira geração do muscle car, ícone da indústria automotiva produzido entre 1967 e 2002, e revivido em 2010.

O Camaro continua sendo um ponto fora da curva na gama Chevrolet quanto ao visual, já que não adota completamente a identidade visual presente nos demais modelos -- a dianteira está mais próxima dos topo de gama Impala e Traverse que dos mais acessíveis, com linguagem puxada pelo novo Malibu. A grade dianteira está maior e há nova saída de ar no capô. Os parachoques também mudaram, deixando o aspecto frontal mais retilíneo -- impressão completada pelos faróis, que agora são retangulares.

No interior, há LEDs nos painéis de porta, borboletas atrás do volante para trocas manuais das marchas (antes feitas em teclas) e tela de sete polegadas sensível ao toque para o sistema multimídia MyLink (já presente em toda a gama da Chevrolet). Os mostradores em estilo retrô foram mantidos, mas também tiveram a iluminação revista. A carroceria cupê de duas portas continua baixa, fazendo da má visibilidade uma característica do esportivo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo