Carros

Ex-Ford, Antonio Maciel assume presidência da Hyundai CAOA

Divulgação
Antonio Maciel Neto, 55 anos, já teve passagens por Suzano, Cecrisa, Grupo Itamarati e Petrobrás, além de participações no Governo Federal Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/03/2013 10h53

O grupo Hyundai CAOA anunciou nesta quarta-feira (13) que Antonio Maciel Neto, ex-CEO da Ford do Brasil entre 1999 e 2006, é o novo presidente da empresa. O executivo assume a posição do fundador Carlos Alberto de Oliveira Andrade (o próprio "Caoa"), que passa a ocupar a presidência do conselho de administração do grupo.

UOL Carros apurou que a troca no comando foi uma decisão local, e não da matriz na Coreia do Sul. Um dos objetivos seria "despersonalizar" a Hyundai CAOA, cuja identidade é fortemente associada a Andrade. Outro é conduzir a empresa até a produção de um carro 100% nacional, antes de 2020.

No total de emplacamentos no Brasil, a Hyundai já disputa carro a carro o quinto lugar com a Renault, mas esse sucesso deve-se principalmente ao HB20, fabricado em Piracicaba (SP) pela Hyundai Motor Brasil (HMB), seção da montadora administrada diretamente pela Coreia -- e à redução temporária de produção da Renault, ao longo de dezembro e janeiro.

O PREÇO DA ESCOLHA

  • Quando era presidente da Ford, Maciel participou pessoalmente de campanha publicitária que prometia R$ 100 a quem testasse um modelo da marca, mas preferisse comprar de outra

Além da Ford, Antonio Maciel Neto trabalhou para o governo federal em Brasília, por três anos, e para a Petrobrás, por dez anos -- além de ter presidido empresas como Grupo Itamarati, Suzano e Cecrisa. Em nota oficial, Andrade declarou: "Maciel é um dos executivos mais experientes e competentes do Brasil, com profundo conhecimento do setor automotivo, e sua vinda reforçará os processos de crescimento, modernização e profissionalização da Hyundai no mercado brasileiro".

O GRUPO
Atualmente, a Hyundai possui duas fábricas no Brasil. Uma em Piracicaba (SP), onde são produzidas as versões hatch e sedã do compacto HB20 (100% da HMB), e outra em Anápolis (GO), onde a CAOA produz veículos sob licença da Hyundai: os caminhões HD78 e HR e o SUV Tucson flex (em breve, o ix35 também deve ser feito no local).

O Grupo CAOA também é importador exclusivo dos Hyundai produzidos na Coreia e da Subaru, e é um dos maiores distribuidores da Ford no Brasil. A empresa acaba de lançar a nova geração do i30, que expõe uma questão crucial para a marca: o modelo ficou mais moderno, mas teve aumento de preço de quase R$ 20 mil. Daí a necessidade de fazer carros localmente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo