Carros

Fiat e Chrysler serão uma só no futuro, diz Marchionne

Das Agências

14/01/2013 17h06

A Fiat e a Chrysler serão fundidas no futuro, mesmo se a Chrysler realizar uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), disse o presidente-executivo das duas montadoras, Sergio Marchionne.

"Nós vamos ter uma companhia automotiva combinada", disse Marchionne a jornalistas no Salão de Detroit, nesta segunda-feira (14).

Um fundo de pensão do United Auto Workers (UAW, o sindicato dos trabalhadores automotivos dos EUA), que é acionista minoritário da Chrysler, pressiona a montadora a voltar a ser uma companhia de capital aberto, exigindo que a Chrysler registre ações junto a reguladores dos Estados Unidos e vá à bolsa de valores.

A entidade ligada ao UAW, que detém 41,5% da Chrysler, tem o direito de fazer a exigência devido a um acordo de 2009, que afastou a Chrysler da falência e transformou a Fiat em controladora majoritária, com 58,5% de participação. Pela declaração de Marchionne, a Fiat deve aumentar ainda mais sua participação na Chrysler.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo