Carros

Relação peso/potência do carro afeta o desempenho; entenda

Reprodução
Dodge Challenger é pesado (1.878 kg), mas potência do motor (425 cv) o deixa com boa relação: 4,4 kg/cv Imagem: Reprodução

Auto+

31/12/2012 13h30

Quando o assunto é desempenho, ter um carro leve, às vezes, é melhor que um superpotente. O que define diretamente o ânimo do modelo e sua velocidade final é a relação peso/potência: quanto mais leve e mais potente, melhor será sua performance. E isso não se limita a superesportivos. Assista abaixo à vídeo-reportagem do Auto+ e saiba mais sobre esta interessante relação.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo