Carros

New Fiesta brasileiro está quase pronto e vai trazer mudanças visuais

Claudio Magno/UOL
New Fiesta hatchback fabricado no Brasil, com placa de Tatuí (SP), circula em São Paulo Imagem: Claudio Magno/UOL

Do UOL, em São Paulo (SP)

14/08/2012 18h58Atualizada em 15/08/2012 00h47

Na recente avaliação do novo EcoSport, UOL Carros frisou que o melhor produto global da Ford à venda no Brasil não é o jipinho, e sim o New Fiesta, que o antecedeu em mais de um ano. Os dois modelos usam a plataforma B (compacta), projetada para ser a mais vendida da Ford no mundo.

Para os demais fãs do New Fiesta (que, a julgar pelos números da Fenabrave, não são muitos no Brasil: o sedã vendeu 5.884 unidades até o final de julho, menos que o Volkswagen Polo três-volumes), há muitas novidades no horizonte. Mais precisamente, em 2013.

A primeira delas nem é tão novidade assim: a produção do New Fiesta vendido no Brasil vai mesmo ser nacionalizada. O impacto disso no preço final do carro pode ser pequeno ou nenhum, já que a atual importação do México não é sobretaxada. A vantagem é evitar "soluços" na oferta ao consumidor (como a imposição de cotas por parte do governo).

A segunda: apesar de estar há relativamente pouco tempo no mercado brasileiro, já no ano que vem o New Fiesta vai sofrer um facelift de meio de geração. As mudanças, segundo UOL Carros apurou, são os habituais retoques nos conjuntos ópticos, grades e parachoques. O compacto vai seguir o caminho da escola de estilo Kinetic 2, cuja melhor tradução está no novo Fusion. O esportivo New Fiesta ST, lançado este ano na Europa, tem sido apontado como uma antecipação do facelift do modelo "civil".

Uma unidade do New Fiesta verde-amarelo já foi fotografada pelo leitor Claudio Magno, de São José dos Campos (SP), quando circulava numa das marginais de São Paulo (veja no alto da página). Ele conseguiu uma imagem da traseira, mas as mudanças mais evidentes serão à frente. A placa de Tatuí (SP) não deixa dúvidas de que o destino do carro era o campo de provas da Ford naquela cidade.

  • Newspress

    Ford New Fiesta ST: o Fiesta fabricado no Brasil vai ter essa dianteira, ou muito parecida

CÂMBIO E MOTOR
A terceira novidade, agora confirmadíssima: assim como o EcoSport, o New Fiesta, possivelmente ainda este ano, contará com a opção de câmbio automatizado de seis marchas com embreagem dupla, casada inicialmente ao motor 1.6 Sigma fabricado em Taubaté (SP). Será o trem-de-força mais atualizado entre os compactos premium no Brasil, e quanto à transmissão ele colocará o New Fiesta anos-luz à frente dos demais. Obviamente isso terá um preço (que, especulamos, será de cerca de R$ 4.000 extras).

A quarta novidade ainda é uma especulação, mas é também uma questão de matemática. A futura instalação de uma fábrica de motores em Camaçari (BA), em conjunto com a principal linha da Ford e com capacidade para 210 mil unidades por ano, indica que o propulsor três-cilindros 1.0 (similar ao EcoBoost europeu) a ser feito ali não vai ser usado apenas no novo compacto global que substituirá o Ka até 2015 (e que será produzido em São Bernando do Campo).

Ainda que este modelo (baseado no conceito Start) tenha duas carrocerias (hatch e sedã) e venda três vezes mais que o Ka (hoje, cerca de 52 mil unidades/ano), haveria uma capacidade instalada de quase 60 mil motores para aproveitar em outros carros.

Por isso, é muito provável que, nos próximos dois anos, o New Fiesta ganhe versão de entrada com um moderno motor 1.0, capaz de entregar desempenho de 1.6 com mais eficiência energética. Faz todo sentido, porque a Ford não vai aposentar apenas o Ka: o atual Fiesta Rocam também vai sair de linha, mas é preciso ter em produção um rival adequado para Volkswagen Gol, Toyota Etios, Fiat Palio e, principalmente, Hyundai HB20. 

Assim, o uso de platafomas Ford globais no Brasil ficaria bem delineado: B para New Fiesta e EcoSport, além do novo subcompacto (versão encurtada da plataforma); C para Focus e, quem sabe, o Kuga (ambos importados); C-D para Fusion e Edge (também importados).

Se você fotografar ou filmar um carro diferente e/ou camuflado, envie as imagens para UOL Carros, com seu nome completo, RG ou CPF, telefone, cidade de residência e local do flagrante. A critério da Redação, elas podem ser publicadas, sempre com o devido crédito ao autor. Não há remuneração.

Para enviar, use o e-mail uolcarros@uol.com.br

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo