Carros

Kia revela a nova geração do Cerato

Divulgação
Terceira geração do sedã médio ficou mais requintada e "espichou" com recursos de design Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

30/07/2012 10h20Atualizada em 30/07/2012 14h22

Após algumas jogadas de marketing compostas por desenhos e teasers, a Kia finalmente revelou a face final da nova geração do Cerato. O carro, que chegou até a ser flagrado no Brasil, está previsto para estrear mundialmente no Salão de Paris, em setembro (junto com a apresentação da nova Carens), e será uma das atrações do estande da sul-coreana no Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro.

Desenhado por Peter Schreyer, ex-Audi e atualmente chefe de design da fabricante coreana, a aparência do novo Cerato aderiu à padronização visual da marca -- que, no Brasil, pode ser vista nos modelos Picanto, Soul, Cadenza, Optima, Sportage e Sorento.

Pelas fotos, percebe-se que o modelo quer apagar a imagem de carro "médio-pequeno" deixada por sua geração anterior: mesmo que não ganhe corpo fisicamente (o atual Cerato tem 4,53 m, o mesmo que o Honda Civic), alguns elementos visuais, como as lanternas e o capô alongado, têm a função de "esticar" o carro a fim de remetê-lo aos sedãs mais caros da Kia, como Optima e Cadenza. 

Parente direto do Hyundai Elantra (ambos são feitos sobre a mesma plataforma, na Coreia), o novo Cerato -- também chamado de Forte e K3 em alguns países -- deve se aproveitar de componentes mecânicos do primo, que vão da suspensão ao conjunto motor e câmbio. Apesar dos benefícios do parentesco, a Kia não revelou nenhum dado técnico do sedã.

  • Divulgação

    Com linhas reconhecidas no primo Hyundai Elantra ou até em sedãs maiores da Kia, como o Cadenza, o novo Cerato quer subir para seu degrau de origem: o de sedãs médios

  • Divulgação

O ATUAL
A atual geração (mais sobre ela aqui), a segunda no histórico do modelo, é vendida no Brasil desde 2009 com motor 1.6 16V equipado com transmissão mecânica ou automática, com seis marchas disponíveis desde a atualização feita no começo de 2012. Os preços atuais variam de R$ 52.800 a R$ 64.200.

Em 2011, o modelo foi o 31º carro de passeio mais vendido no Brasil, com 20.688 unidades; entre os sedãs médios, chegou a ser terceiro lugar do segmento, perdendo por 2.274 carros para o vice colocado, o Honda Civic. Em 2012 a história não se repetiu.

A nova geração do Cerato deve desembarcar por aqui no primeiro semestre de 2013.

  • Murilo Góes/UOL

    O Cerato atual, de segunda geração, conta com motor 1.6 e câmbio de seis marchas

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo