Carros

Range Rover Evoque conversível traz fórmula paradoxal, mas que pode dar certo

Newspress
Evoque Convertible: conceito faz uma (por ora) improvável união entre SUV e cupê conversível Imagem: Newspress

Rodrigo Lara

Do UOL, em Genebra (Suíça)*

07/03/2012 15h43

O que aconteceu com a tradicional Land Rover? Primeiro, lançou um carro que rompe com a imagem que sempre tivemos dos veículos da marca: classudos, porém conservadores e quadradões. O veículo citado, obviamente, é o Range Rover Evoque.

  • Newspress

    As formas retilineas e ligeiramente ascendentes do Range Rover Evoque combinam bem com o...

  • Newspress

    ..."corte" na carroceria para transformá-lo em conversível; conceito ficou ligeiramente mais parrudo que o SUV-cupê original

Tinha tudo para dar errado: o design achatado e retilíneo lembra o daqueles carros-conceito que jamais ganharão as ruas, e nada tem a ver com o público cativo da marca. Mas deu certo e o Evoque é um sucesso de vendas que (além de ser um excelente carro) lança as bases para os futuros modelos da Land Rover.

Prova disso é o que a marca inglesa (hoje controlada pelos indianos da Tata Motors) mostra aqui em Genebra. Misturar a sigla SUV (utilitário esporte) com a palavra "conversível" é tão lógico quando comer macarrão coberto com sorvete. Não faz sentido construir um carro com essa configuração, dirão alguns. Mas o Evoque original, quando apresentado como o conceito LRX aqui mesmo em Genebra, fazia sentido? Muitos torceram o nariz na ocasião, assim como fazem com o Evoque Convertible Concept agora. E deu no que deu...

O Evoque conversível é baseado na versão de duas portas do modelo convencional. No lugar do teto rígido, entra em ação uma cobertura maleável totalmente retrátil e um sistema de segurança denominado Roll Over Protection System, que protege os ocupantes em caso de capotagem.

Em termos de estilo, o aspecto radical do Evoque "normal" acaba combinando bem com a ausência do teto no protótipo conversível. E, quando ele está estendido e cobrindo os ocupantes, a aparência do carro -- se não chega a ser tão sedutora quanto a do original -- não é nada que cause estranheza.

A Land Rover não confirmou a produção dessa variante do SUV, dizendo que se trata apenas de um estudo para medir a reação do público. O que foi possível notar, andando pelo estande da fabricante aqui no Salão de Genebra entre centenas de jornalistas especializados do mundo todo, é que o Evoque Convertible conseguiu, em proporções similares, críticos e fãs.

E, se fosse para apostar, UOL Carros cravaria: ele vai ser produzido. A justificativa: em sua atual fase, a Land Rover segue o senso comum da indústria automotiva. Só que ao contrário.

* Viagem a convite da Mercedes-Benz
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo