Carros

Mitsubishi prepara Lancer aspirado e dois-volumes; leitor flagra ambos em SP

Fernando Jardim/UOL
Mitsubishi Lancer 2.0 trafegando em rodovia do interior de São Paulo Imagem: Fernando Jardim/UOL

CLAUDIO DE SOUZA

Editor de UOL Carros

28/09/2011 17h46

Meio na surdina, a Mitsubishi vem preparando o lançamento de dois novos modelos no Brasil, provavelmente para outubro.

Um deles, na verdade, já é bem conhecido de quem gosta de carros: é o sedã Lancer, que chegará numa versão com motor 2.0 aspirado de 150 cavalos, muito mais em conta que a esportiva Evolution X (hoje vendida perto dos R$ 210 mil) e disposta a brigar com médios consagrados, como Toyota Corolla e Honda Civic, e novatos com sangue nos olhos (ou nos faróis), como Chevrolet Cruze e o renovado Volkswagen Jetta.

O site parceiro Carsale já havia adiantado essa informação, inclusive situando o preço na faixa entre R$ 60 mil e R$ 70 mil -- isso, antes do aumento do IPI. O que não havia, até agora, era uma foto do sedã. Coube ao leitor Fernando Jardim resolver esse problema: ele enviou a UOL Carros agumas imagens de uma unidade trafegando na rodovia Dom Pedro I, perto de Campinas, interior de São Paulo.

  • Fernando Jardim/UOL

    O Lancer Sportback flagrado pelo leitor estava junto do sedã: família ficará completa

Melhor ainda: andando logo atrás do Lancer estava um segundo carro com o logotipo coberto e placas de licença verdes, típicas de unidades de teste. O ângulo em que as fotos foram tomadas faz com que pareça tratar-se de um crossover na linha do Hyundai ix35. Mas não: é o Lancer Sportback, recente variação hatchback: nos Estados Unidos, estreou como ano-modelo 2010. No Brasil, permanece inédito.

  • Fernando Jardim/UOL

    No flagra o Lancer Sportback está com jeito de crossover, mas trata-se de um hatch

UOL Carros conseguiu a informação de que o Lancer Sportback virá com o mesmo motor do Evolution X, um 2.0 turbocomprimido de 295 cavalos, e provavelmente dotado de tração nas quatro rodas -- promete, portanto, uma boa dose de emoções em curvas. Seu preço deve ficar a meio caminho do valor pedido pelos sedãs -- algo em torno de R$ 150 mil. Assim, a marca japonesa passa a oferecer uma gama completa de carros de passeio com vocação esportiva. Do mesmo modo que a rival Subaru já faz com o Impreza.

A Mitsubishi é talvez a montadora japonesa mais gravemente afetada pelo aumento de 30 pontos percentuais no IPI de carros importados. Seu modelo recente de maior apelo, o crossover ASX, é fabricado no Japão e penalizado pelo tributo. O mesmo acontecerá com os novos Lancer. No entanto, há quem jure que alguma "mágica" será feita para que mesmo o preço com mega-IPI seja interessante. A ver.

Se você fotografar ou filmar um carro diferente e/ou camuflado, envie as imagens para UOL Carros, com seu nome completo, RG ou CPF, telefone, cidade de residência e local do flagrante. A critério da Redação, elas podem ser publicadas, sempre com o devido crédito ao autor. Não há remuneração.

Para enviar, use o e-mail
uolcarros@uol.com.br
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo