Carros

DeLorean DMC 12, carro famoso em Hollywood, tem unidade à venda no Brasil

RODRIGO LARA

Da Redação

04/08/2011 19h45

Não é exagero dizer que o DeLorean DMC 12 é um dos carros mais famosos da história. E isso não se deve a pontos que tornariam um automóvel memorável, como desempenho, formas belas ou prazer ao volante. Na calçada da fama automotiva, o DeLorean conseguiu destaque atuando como astro de cinema.

É inegável que o carro, juntamente com o jovem Marty McFly (Michael J. Fox) e o cientista Doutor Brown (Christopher Lloyd), é uma das estrelas da trilogia "De Volta Para o Futuro", filme que marcou os anos 1980 e virou ícone da cultura pop. Transformado em uma máquina do tempo pelo cientista, o carro viajou por diversas épocas, indo desde o Velho Oeste norte-americano até a uma versão futurista -- e altamente tecnológica -- da cidade natal de McFly.

E foi justamente um exemplar desse icônico carro que UOL Carros teve a oportunidade de guiar. Confira abaixo como foi a voltinha:

Trazido para o Brasil pela importadora San Diego Motorsports por R$ 180 mil, o exemplar do vídeo abaixo é de 1981, primeiro ano de fabricação do carro. O processo de produção do carro enfrentou diversos problemas e acabou em 1982, sendo que cerca de nove mil unidades do esportivo chegaram às ruas. E seu desempenho nas vendas não foi dos melhores, já que, previsto para custar US$ 12 mil, chegou às lojas por cerca de US$ 25 mil à época.

ASTRO DO CINEMA

  • Reprodução

    Acima, o DeLorean paramentado com o "capacitor de fluxo", geringonça que o habilitava a viajar pelo tempo na trama construída para as telonas

COMO ELE ANDA
O DeLorean tem um aspecto inusitado: a ausência de pintura. Ao invés de tinta, o carro é coberto por placas de aço inoxidável, o que requer um cuidado extra para evitar manchas. O esportivo tem a carroceria que abusa de superfícies planas, que transformam a frente do carro em uma espécie de cunha.

O seu interior é simples. Os bancos ficam em posição extremamente baixa e a posição de dirigir faz com que as pernas fiquem praticamente esticadas. Não fosse pelo volante sem ajuste de profundidade, o DMC 12 teria uma posição de guiar digna de carros esportivos. Outro ponto que merece comentários é o motor, um V6 que rende apenas 140 cavalos de potência e não contribui para um bom desempenho que o visual pode sugerir.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo