Topo

Carros elétricos

Opel Ampera, o Volt europeu, estreia com estilo mais forte e preço chocante

Claudio de Souza/UOL
<b>Ampera, o Volt europeu, causa mais faísca pelo preço elevado que pela inovação</b> Imagem: Claudio de Souza/UOL

CLAUDIO DE SOUZA

Editor de UOL Carros<br>Enviado especial a Genebra (Suíça)

01/03/2011 20h37Atualizada em 04/03/2011 16h40

A Opel, principal subsidiária da General Motors na Europa, mostra no 81º Salão de Genebra o Ampera de produção, que deve chegar às lojas até o final do ano. Trata-se da versão do Chevrolet Volt para o Velho Continente, com o mesmo trem de força que une bateria, motor elétrico e motor a combustão, além de um câmbio de marcha avante "infinita" e três embreagens atuando sobre uma engrenagem planetária.

Os dados técnicos e a explicação do funcionamento do Ampera são exatamente os mesmos já extensamente divulgados e discutidos quando UOL Carros experimentou o elétrico ianque em Detroit, em janeiro último: grosso modo, o Ampera arranca com motor elétrico e com ele percorre até 80 km, usando apenas a carga da bateria. Depois disso o motor a combustão de 1,4 litro entra em ação para mover um gerador, o qual, por sua vez, reativa o propulsor elétrico. Este só volta a funcionar sozinho depois que a bateria recebe nova carga, que pode ser feita ligando o carro diretamente numa tomada comum. É tudo como está descrito aqui.

 

O que diferencia o Ampera do Volt é seu estilo um tanto mais agressivo, como se pode notar pelo conjunto em forma de bumerangue formado pelos faróis e pelas luzes de neblina -- dando mais personalidade a um carro que, na versão dos EUA, provoca bocejos quando é visto nas ruas, ainda mais que seu motor elétrico não faz barulho.

O interior do Ampera também é uma revisão da cabine encontrável no Volt, inclusive com duas telas de LCD para o motorista controlar os parâmetros de condução e consumo do modelo -- mas nesse ponto o elétrico ianque nos pareceu mais bem-acabado, inclusive (ou principalmente) porque a unidade que testamos nos EUA possuía plástico branco liso e de aspecto muito agradável no painel frontal. O Ampera também possui apenas dois lugares atrás, devido à acomodação da bateria sob o assoalho.

Outro aspecto que chama a atenção é o preço do Ampera. Aqui na Suíça ele já pode ser reservado por 55.900 francos suíços, valor que, ao ser convertido em reais, ultrapassa inacreditáveis R$ 100 mil -- na moeda americana, isso equivale a US$ 60 mil. Vale lembrar que, sem considerar o incentivo do governo, o Volt sai por US$ 41 mil nos EUA, e todo mundo (inclusive a GM) o acha caro demais. De acordo com a assessoria da Opel, cerca de 1.000 pedidos do Ampera já foram confirmados em toda a Europa, metade deles de clientes corporativos. Por esse preço, só poderia mesmo ser assim.
 

 

Mais Carros elétricos