Produção de veículos no Brasil bate recorde no primeiro trimestre

São Paulo

O Brasil fabricou no primeiro trimestre deste ano 902.148 veículos, um resultado recorde para o período e superior em 7,9% ao dos três primeiros meses de 2010, quando saíram das fábricas 836.268 unidades, informou nesta quinta-feira (7) a Anfavea, associação das fabricantes do país.

O bom resultado se deve ao forte aumento da produção em janeiro e fevereiro, já que o setor registrou uma retração em março, segundo o balanço divulgado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores.

No terceiro mês do ano foram fabricados no país 319.363 automóveis, caminhonetes, ônibus e caminhões, uma redução de 6% frente ao mesmo mês de 2010, de acordo com o balanço. O número de veículos produzido em março também 0,4% inferior em relação ao de fevereiro.

A Anfavea calcula que fechará este ano com 3,68 milhões de veículos fabricados, superando o recorde do ano passado, de 3,64 milhões de unidades produzidas.

A associação que agrupa os fabricantes também informou que as vendas de veículos novos no primeiro trimestre chegaram a 825.161 unidades, um recorde para o período e 4,7% superior aos três primeiros meses do ano passado.

As vendas do primeiro trimestre de 2010 bateram recordes porque contavam com as reduções de impostos que o governo havia concedido para incentivar o setor após a crise econômica global.

Os incentivos foram retirados em março do ano passado, o que não impediu que as vendas voltassem a crescer no primeiro trimestre deste ano.

As vendas de março foram de 306.161 unidades, com um crescimento de 11,7% frente a fevereiro, mas 13,5% menores em relação ao mesmo mês do ano passado.

Segundo a Anfavea, no primeiro trimestre foram exportados 195.723 veículos, o que representa um aumento de 14,3% em comparação ao mesmo período de 2010.

As exportações em março foram de 64.822 unidades, 7,6% a menos que em fevereiro e 2,7% abaixo do terceiro mês de 2010.

UOL Cursos Online

Todos os cursos