Carros

Dia do Ortopedista, aviso ao motociclista: "prevenir é melhor que remediar"

Marcelo Brammer/Brazil Photo Press/Estadão Conteúdo
Equipes de resgate atendem a acidente entre carro e moto que deixou dois mortos no viaduto Júlio de Mesquita Filho, no bairro da Bela Vista, região central de São Paulo, na noite da última quarta-feira (16) Imagem: Marcelo Brammer/Brazil Photo Press/Estadão Conteúdo

Cicero Lima

Colaboração para o UOL

Este sábado, 19 de setembro, comemora-se o Dia do Ortopedista, médico responsável pela recuperação da maioria dos feridos em acidentes. No Brasil, as estatísticas de trânsito, infelizmente, têm índices alarmantes.

Representados pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT), os profissionais elegeram a prevenção dos acidentes de moto como tema de uma manifestação. Com o título "Segurança em Duas Rodas", os médicos querem mostrar à sociedade que prevenir é sempre melhor que remediar. Para eles, é a saída para diminuir o número de vítimas.

Segundo a SBOT, em 2013 mais de 12 mil brasileiros morreram vítimas de acidentes de moto. O número total de internações atingiu 88.682 pacientes e, segundo o Sistema Único de Saúde (SUS), o custo para cuidar dessas vítimas foi de R$ 114 milhões. Segundo pesquisa da SBOT, 52% dos acidentados são motociclistas entre 18 e 30 anos.

Rafael Andrade/Folha Imagem
Com equipamento completo (roupa, luvas, capacete), riscos de fraturas diminuem, afirmam ortopedistas; segundo a SBOT, 52% dos acidentados têm entre 18 e 30 anos Imagem: Rafael Andrade/Folha Imagem

Final de semana é pior

O cotidiano dos hospitais permite aos ortopedistas observarem fatos preocupantes. Nos finais de semana, por exemplo, a probabilidade de ferimentos é maior. "Muita gente relaxa e sai com a moto sem a vestimenta adequada, apenas de chinelos e bermuda, fato que aumenta o risco de lesões”, avisa o ortopedista Vicenzo Giordano, que trabalha no Hospital Miguel Couto, no Rio de Janeiro (RJ). Isso significa que se o motociclista estiver equipado, riscos de fraturas diminuem.

Segundo o presidente da SBOT, Marco Antonio Percope, "acidentes com moto atualmente representam o maior desafio para ortopedistas". A pesquisa da entidade constatou que 40% das lesões são provocados por quedas. Por isso, eles chamam atenção em especial aos equipamentos de proteção individual e alertam sobre o uso do capacete integral. Infelizmente, os traumas são quase sempre múltiplos.

Diogo Moreira/Futura Press
Médicos ortopedistas da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia acreditam que os índices alarmantes de acidentes poderiam diminuir caso houvesse mais ações sociais que aprimorassem a formação do motociclista e a fiscalização Imagem: Diogo Moreira/Futura Press

Alerta à sociedade

O manifesto da SBOT é um alerta para a sociedade e ao governo. O documento mostra que ainda não fomos capazes de reverter um quadro grave. É preciso ações práticas que aprimorem a formação do motociclista e intensifiquem a fiscalização (também motoristas). As vias devem ser sinalizadas e o pavimento precisa oferecer condições mínimas de segurança.

Alguns críticos julgam que a moto deveria ser banida das ruas, mas ela faz parte de nossa realidade e é ferramenta importante para movimentar a economia do país. Para a maioria dos usuários, é o  instrumento de trabalho que garante o sustento da família. Em outras regiões (como o Nordeste, por exemplo), a motocicleta faz o papel que até pouco tempo cabia a animais, principalmente na zona rural. Essa é uma característica que aumenta a importância do investimento educacional e social sobre motocicleta no Brasil. Justamente o que pede a maioria dos ortopedistas.

Cicero Lima é especialista em motocicletas e motociclistas

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo