Carros

XL 1200 Custom pode ser outra novidade da Harley-Davidson no Brasil

Riles & Nelson
A marca norte-americana quer ampliar gradativamente seu line up no País. O modelo de 1200 cm³ da família Sportster é versátil, fácil de pilotar e tem vocação para ser personalizada Imagem: Riles & Nelson

Da Infomoto

28/08/2011 10h00Atualizada em 29/08/2011 15h17

A Harley-Davidson quer ampliar sua oferta de produtos no mercado brasileiro. No Salão Duas Rodas -- que acontece de 04 a 09 de outubro, no Pavilhão de Exposições do Anhembi (SP) -- a centenária marca norte-americana apresentará a Dyna Switchback, a V-Rod 10th Anniversary, além da Night Rod Special. Mas a montadora quer oferecer uma opção mais acessível. Um modelo que se posicione entre a XL 883R (R$ 25.900) e a XR 1200X (R$ 33 mil), ambas da família Sportster.

Uma forte candidata à desembarcar no país é a XL 1200 Custom, que tem preço sugerido a partir de US$ 10.299, lá nos Estados Unidos. A equipe da Infomoto viajou para a terra do Tio Sam e conferiu o desempenho da moto, que pode ser uma fiel parceira para dupla jornada. Ou seja, ágil na correria do dia a dia e, nos finais de semana, encara a estrada no melhor estilo "Easy Rider".

Cheia de personalidade, a XL 1200 Custom traz desenho clássico, rodas de liga leve, pneus mais largos, lanterna com LEDs, capa sobre o farol, além de muitos cromados. Já o motor V2 conta com acabamento em preto, com aletas de refrigeração polidas. Detalhe: este é um dos modelos de propulsor refrigerado a ar produzido em Menomonee Falls, próxima a Milwaukee, no estado de Wisconsin (EUA).

Mas o grande barato desta moto é sua vocação para receber inúmeros acessórios ou substituir peças originais por itens personalizados. A lista é extensa. Vai do assento até outras opções de acabamento do motor, passando pelo guidão, pedaleiras, rodas, alarme e novas cores. O pacote de personalização pode sair direto da direto da fábrica.

FICHA TÉCNICA: Harley-Davidson XL 1200 Custom

Motor:Evolution, 1200 cm³, dois cilindros em V, a 60º, refrigerado a ar.
Potência máxima:n/d
Torque máximo:10,91 kgfm a 4.000 rpm.
Câmbio:Câmbio de cinco velocidades com transmissão final por correia dentada.
Alimentação:Injeção eletrônica. Partida elétrica.
Chassi:Duplo berço em aço.
Suspensão:Dianteira do tipo telescópica com 39 mm de diâmetro e curso de 105 mm; Traseira com duplo amortecedor, com regulagem de pré-carga e 54 mm de curso.
Freios:Disco simples de 292 mm de diâmetro e duplo pistão (dianteiro) e disco simples de 260 mm de diâmetro e único pistão (traseiro).
Rodas e pneus:Liga-leve de cinco raios, 130/90B16 72H na dianteira e 150/80B16 77H, na traseira
Dimensões:Comprimento: 2.220 mm. Entre-eixos: 1.521 mm. Altura do assento em relação ao solo: 724 mm. Largura e altura: N/D.
Peso:251 kg a seco.
Tanque:17 litros.

PRIMEIRAS IMPRESSÕES
O pequeno e pacato município de Park City, vizinho à capital de Utah, Salt Lake City, no meio-oeste americano, foi o palco escolhido pela Harley-Davidson para o lançamento da linha 2012. O grande destaque foi a nova Dyna Switchback, seguida pela edição alusiva aos 10 anos da V-Rod, Night Rod Special, além da linha CVO (Custom Vehicle Operations). Mas uma motinho me chamou a atenção, principalmente por enxergar no modelo uma grande oportunidade da Harley ampliar suas vendas para o mercado brasileiro. E foi com a XL 1200 Custom que iniciei a avaliação da linha 2012 das motos HD.

O primeiro ponto positivo é seu estilo clássico, sem muitas frescuras. Moto com cara de moto. As rodas calçadas com pneus "balão", fornecidos pela Michelin, e emoldurado pelo pequeno para-lama dianteiro dão um ar mais encorpado ao modelo. Ao montar na representante da família Sportster, nova surpresa: a 1200 Custom oferece bons níveis de ergonomia, apesar do assento "solo", que, aliás, pode ser substituído. Sua postura de pilotagem, com os braços abertos e esticados, além das pernas semi-flexionadas a fazem também bastante confortável.

O motor de dois cilindros em "V", de 1200 cm³ de capacidade, trabalha de forma linear, sem trancos e reações estúpidas. Um dos responsáveis por este temperamento mais dócil é o câmbio de cinco velocidades com transmissão final por correia dentada. O propulsor, que oferece bom torque em baixas e médias rotações, é ideal para rodar na cidade, como também para desfilar na estrada no final de semana. Em função da injeção eletrônica de combustível (ESPFI), a XL 1200 Custom faz, segundo a Harley-Davidson, pouco mais de 20 km/l. Ou seja, a moto tem uma autonomia de aproximadamente 340 quilômetros.

Na parte ciclística, receitas pra lá de tradicionais: garfo telescópico, que foi recalibrado para se ajustar ao peso do trem dianteiro (roda e pneu) e disco simples ventilado. Na traseira, sistema bichoque e disco simples. Na prática, o conjunto de suspensões é mais firme se comparado aos modelos da linha Softail. A XL 1200 C oferece 105 mm de curso na dianteira e 54 mm de curso na traseira, contra, 130 mm na frente e 109 mm na parte de trás da Heritage Classic, por exemplo. Já os freios se apresentavam um pouco "borrachudos" no começo da avaliação. Mas a eficiência da frenagem foi melhorando com ao passar dos quilômetros, acionamentos e também em virtude da acomodação das pastilhas.

CONCORRÊNCIAS
Se a XL 1200 Custom realmente chegar ao Brasil e com preço sugerido entre R$ 28 mil e R$ 30 mil, com certeza terá um bom volume de vendas. Nesta batalha pelo mercado de motos custom, Honda Shadow 750 (R$ 29 mil), Yamaha XVS 950 Midnight Star (R$ 32 mil), Suzuki Boulevard M 800 (R$ 33 mil) e Kawasaki Vulcan 900 (R$ 30 mil) encontrarão no modelo HD um concorrente de peso, com preço competitivo e motor de maior capacidade cúbica. Isso sem falar no status de pilotar uma Harley-Davidson. O que nos resta é aguardar os resultados das pesquisas que estão sendo feitas pela subsidiária brasileira da marca e torcer para que as projeções se confirmem. Os harlistas de plantão agradecem! (por Aldo Tizzani)

*Viagem a convite da Harley-Davidson

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Carros

Topo