Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://carros.uol.com.br/motos/album/mobile/2015/11/26/salao-de-milao-2015-15-destaques.htm
  • totalImagens: 16
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20151126142647
Fotos

BMW: R Nine T Scrambler é versão mais aventureira do modelo retrô, com tradicional boxer a ar de 1.170 cc e 110 cv Divulgação/EICMA Mais

BMW: G 310R é estreia da marca alemã no segmento de baixa cilindrada; naked de 313 cc e 34,4 cv será o oitavo modelo feito em Manaus (AM), pela Dafra, a partir do segundo semestre de 2016; custando entre R$ 22 e R$ 25 mil, será a moto da BMW mais vendida no Brasil Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Ducati: a anfitriã do evento mostrou a XDiavel, sua entrada no segmento cruiser; tem visual longo e baixo, pedaleiras avançadas e novo farol, além do motor revisado para 1.262 cc, com comando variável de válvulas e 156 cv e 13,3 kgfm Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Ducati: outro destaque é a Multistrada 1200 Enduro, fora-de-estrada para brigar com BMW R 1200 GS Adventure, Triumph Explorer 1200 e Yamaha Super Ténéré 1200; diâmetro da roda dianteira cresceu de 17 para 19 polegadas, tanque foi ampliado de 20 para 30 litros Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Ducati: no segmento abaixo de 500 cc, a marca transforma a Scrambler em marca; versão Sixty2, referência à primeira Scrambler dos Estados Unidos, em 1962, tem como grande novidade o motor L2 de 400cc e 41 cv; virá ao Brasil no fim de 2016 Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Honda: depois da esportiva CBR 500R e da crossover CB 500X, eis a CB 500F 2016; naked está mais ousada e com suspensão melhorada: conjunto óptico em LED, escapamento encurtado, aletas laterais maiores e tanque de combustível ampliado (16,7 litros) e com tampa articulada; Brasil deve recebê-la no primeiro semestre de 2016 Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Honda: NC 750X também foi reestilizada; passa a oferecer porta-capacete maior (22 litros), parabrisa 7 cm mais alto, farol em LED, suspensões revisadas e escapamento poligonal Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Indian: esteticamente idêntica à Scout original, Indian Scout Sixty (60), cujo nome alude à capacidade do motor V2 em alumínio de 78 cv em polegadas cúbicas (equivalente a 1.000 cc) Arthur Caldeira/Infomoto Mais

KTM: 1290 Super Duke GT é versão sport touring da radical Super Duke R; para longas viagens,motor V2 de 1.300 cc foi "amansado" para 173 cv e 14,7 kgfm; tanque foi expandido a 23 litros e modelo incorporou piloto automático, aquecedor de manoplas, parabrisa regulável e pontos de fixação para bolsas laterais rígidas Arthur Caldeira/Infomoto Mais

MV Agusta: outra anfitriã, mostrou Brutale 800 renovada tem tanque maior, novas aletas, farol inteiramente em LED e motor recalibrado para novas normas europeias de emissão; potência da naked média caiu de 125 para 116 cv, mas torque aumentou para 8,47 kgfm plenos a partir de 7.600 rpm Arthur Caldeira/Infomoto Mais

MV Agusta: Dragster 800RR ganhou série especial LH44, iniciais e número de competição do tricampeão de F1 Lewis Hamilton -- que também promove os modelos da alemã Mercedes-Benz, parceira da MV Agusta; é limitada a 244 unidades Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Suzuki: apresentou reedição da SV 650, substituída há alguns anos pela Gladius; base mecânica aparentemente é a mesma, incluindo motor V2 recalibrado para entregar 76 cv e retorno do farol redondo, semelhante ao da aposentada Bandit; ainda é incerto se haverá espaço para as duas, mas Gladius atual não atende ao novo padrão europeu de emissões Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Suzuki: GSX-R 1000 é conceito que deve virar realidade em 2017; superesportiva traz linhas inspiradas na GSX-RR da MotoGP, incluindo luz diurna em LED; motor 4-cilindros com comando variável de válvulas deve passar dos 200 cv Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Triumph: confirmando especulações, anunciou melhorias e novos nomes para a Tiger Explorer 1200 -- urbana, versão XR tem rodas de liga leve; XC é apta ao fora-de-estrada; freios ABS para curvas, suspensões semiativas e inédito assistente de partida em subidas são novidades eletrônicas da bigtrail, que deve chegar ao Brasil em 2016 Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Yamaha: surpreendeu com MT-10, uma espécie de R1 naked; streetfighter de visual futurista, tem dois faróis de LED monofocais; recalibrado, motor 4-cilindros de 998 cc oferece menos potência e mais torque em baixos e médios regimes Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Yamaha: assim como a MT-07, MT-09 ganha roupagem retrô e vira XSR 900; design atemporal e minimalista, marcado pelo farol redondo, e vasta gama de acessórios são diferenciais Arthur Caldeira/Infomoto Mais

Salão de Motos de Milão teve 15 surpresas; veja

Últimos álbuns de Motos

UOL Cursos Online

Todos os cursos