Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://carros.uol.com.br/motos/album/mobile/2014/11/18/motos-turbo-passado-e-futuro.htm
  • totalImagens: 16
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20141118194319
    • Kawasaki [30807]; Suzuki [9117]; Honda Motos [62803]; Yamaha [28279];
    • Kawasaki [30807]; Suzuki [9117]; Honda Motos [62803]; Yamaha [28279];
Fotos

CX 500 Turbo foi o primeiro modelo da Honda com turbocompressor: chegou a render 100 cavalos Divulgação Mais

Em 1983, Honda apresentou substituiu a CX 500 Turbo por outro modelo com propulsor turbocomprimido: CX 650 T Divulgação Mais

Número 85 que consta no nome da Suzuki XN85 Turbo representa potência do modelo: 85 cv Divulgação Mais

XN85 foi primeira moto da Suzuki a usar roda dianteira aro 16, o que antes era visto apenas em modelos de competição Divulgação Mais

Yamaha XJ 650T, também conhecida como "Seca Turbo", era capaz de gerar até 90 cavalos Divulgação Mais

Yamaha Seca Turbo moto trazia seu turbocompressor instalado entre a transmissão e a roda traseira Divulgação Mais

Antes da H2R, Kawasaki já produziu um modelo com motor sobrealimentado antes: GPZ750 Turbo Divulgação Mais

Última da safra de motos turbo japonesas a chegar ao mercado, GPZ750 Turbo foi produzida entre 1983 e 1985 Divulgação Mais

Recursion, conceito da Suzuki mostrado no Salão de Colônia 2014, retoma a ideia de uma motocicleta turbo Divulgação Mais

Modelo é equipada com motor bicilíndrico de 588 cm³ Divulgação Mais

Uso do turbo serve para extrair mais potência de motores menores, como é o caso da Suzuki Recursion Divulgação Mais

Proposta da Suzuki é complexa: turbocompressor e trocadores de calor (intercooler) para sobrealimentar o motor Divulgação Mais

Já a Ninja H2R pode ser a precursora de uma nova safra de modelos com motor sobrealimentado Divulgação Mais

Isto porque a moto já está muito mais próxima de chegar às mãos do público do que o protótipo da Suzuki Divulgação Mais

Estilosa, a Ninja H2R contou com a participação de outras divisões da Kawasaki em seu projeto, como a aeronáutica Divulgação Mais

Ninja H2R tem um propulsor tetracilindrico de 998 cm³, munido de compressor (sem turbo), capaz de gerar até 300 cv Divulgação Mais

Motos turbo: passado e futuro

Últimos álbuns de Motos

UOL Cursos Online

Todos os cursos