Topo

Cultura do carro


Veja 10 carros que parecem "fantasiados" para desfilar no Carnaval

Divulgação
Golf Harlequin tinha peças de quatro cores diferentes -- e encalhou nas lojas Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo (SP)

2019-03-04T07:00:00

04/03/2019 07h00

A indústria automobilística não poupa esforços (nem criatividade) na hora de lançar séries especiais e novas versões de modelos já conhecidos. Normalmente a ideia dá certo, mas algumas vezes o tiro sai pela culatra.

Já que estamos em clima de Carnaval, UOL Carros separou 10 modelos e versões especiais com visual tão exótico que mais parecem prontos para desfilar no Sambódromo.

Carros "vestidos" para a folia

  • Divulgação

    Chevrolet Meriva SS

    A sigla SS foi usada com gosto em vários modelos esportivos da Chevrolet. Daí a estranheza com a chegada da Meriva SS, uma minivan com visual "esportivado" pouco adequado para sua vocação familiar. Além dos detalhes externos, como grade frontal personalizada e rodas de liga leve, a Meriva tinha um revestimento interno que abusava da cor vermelha. Motor era o mesmo (e antiquado) 1.8 de 114 cv e tinha até câmbio automatizado Easytronic.

  • Divulgação

    Fiat Uno College

    O Uno sempre foi querido pelos jovens e talvez por isso a Fiat resolveu lançar a série College. O hatch tinha itens interessantes, como faróis com máscara negra, faróis de neblina e rodas de liga leve. Só que os adesivos de gosto duvidoso, incluindo um que simulava um zíper (?), e a esquisita combinação de cores no interior (com vermelho e azul nos bancos, maçanetas e várias partes da cabine) fizeram o carro ser esquecido rapidamente.

  • Divulgação

    Peugeot 207 Escapade

    A linha Escapade surgiu no 206 SW em 2006 e não era mera perfumaria. Além do estilo mais parrudo, a perua tinha pneus de uso misto e amortecedores recalibrados. A renovação da gama 206 para 207 em 2009 incluiu a versão aventureira, que resistiu até 2013.

  • Divulgação

    Ford Fiesta Trail

    A Ford já teve duas versões do Fiesta Trail: a primeira surgiu como um kit de acessórios em 2005 e incluía quebra-mato e para-choques pretos. A segunda estreou três anos depois, já com status de versão. Em comum, ambas tinham a pegada aventureira.

  • Divulgação

    Fiat Mille Young

    O Mille Young estreou em 1998 como uma versão especial. Tinha apenas duas portas e um visual repaginado, com nova grade frontal e para-choques cinzas. Um dos acessórios mais controversos eram os adesivos gigantescos que podiam ser colados nas laterais do carro. Bem esquisito.

  • Divulgação

    Volkswagen Golf Harlequin

    O Golf Harlequin nasceu como um veículo feito para exibir a paleta de cores do hatch para clientes, mas fez tanto sucesso que a Volkswagen decidiu lançá-lo como série especial. As peças móveis foram pintadas em quatro cores diferentes e a fabricante fez menos de 300 unidades. Muitas delas encalharam nas concesssionárias e algumas, inclusive, foram pintadas de uma cor só.

  • Divulgação

    Chevrolet Celta Off-Road

    Houve um tempo em que todas as fabricantes queriam aproveitar a onda dos aventureiros urbanos. E quem não tinha um modelo pronto se virava como podia. Foi o que fez a Chevrolet com o Celta Off Road. O modelo era na verdade um kit instalado por R$ 2.900 que incluía quebra-matos dianteiro e traseiro, adesivos, estribos laterais e rack no teto.

  • Volkswagen Gol Fun

    Cores berrantes não eram tão comuns quando a VW lançou o Gol Fun em 2001. O carro tinha tons nada discretos de azul e vermelho, além de faróis com máscaras pintadas na cor da carroceria. O motor era o mesmo 1.0 16V das versões mais baratas do Gol.

  • Divulgação

    Toyota Etios Cross

    O Toyota Etios demorou a fazer sucesso e talvez a versão Cross tenha culpa nisso. Lançado em 2013, o modelo surfava na onda dos aventureiros urbanos. O resultado, porém, não ficou tão bom assim: o estilo rebuscado fez muita gente torcer o nariz e o carro saiu de linha em 2018.

  • Divulgação

    Volkswagen Fox Extreme

    A linha 2009 do Fox trouxe uma exótica versão "esportivada" chamada Extreme. O hatch tinha faróis com máscaras negras, belas rodas de liga leve e aerofólio traseiro. Porém, o grande chamariz do Fox Extreme eram os estranhos adesivos nos para-lamas dianteiros, que mais pareciam hastes de um óculos.

Mais Cultura do carro