Últimas de Carros

Audi expõe SQ5, SUV esportivo de R$ 310 mil, para mostrar força

Paul Sancya/AP
SQ5 no Salão de Detroit, em janeiro: compressor leva motor V6 aos 350 cavalos imagem: Paul Sancya/AP

Do UOL, em São Paulo (SP)

Em janeiro, durante a apresentação durante o Salão de Detroit, sabia-se que o SUV esportivo Audi SQ5 viria ao Brasil, mas faltava data e preço. Agora está confirmado: o utilitário anabolizado chega em duas etapas, primeiro para mostrar os músculos e aguçar os sentidos do público endinheirado, em setembro, durante a etapa brasileira do Campeonato Mundial de Endurance da FIA (dia 1º, no autódromo de Interlagos); depois, no começo de 2014, para de fato ocupar a garagem de quem tiver cerca de R$ 310 mil (valor ainda estimado).

Primeiro SUV da Audi produzido em série na variante esportiva, o SQ5 usa o mesmo motor V6 3.0 TFSI do Q5 Ambition avaliado por UOL Carros (reveja aqui nossas imagens exclusivas e impressões), mas com sobrealimentação extra por compressor para passar dos interessantes 272 cavalos e 40,78 kgfm a absurdos 354 cv de potência e quase 48 kgfm de torque.

Câmbio automático de oito marchas e tração integral garantem o controle das quase duas toneladas de peso e o consumo na casa dos 8,7 km/l de gasolina na cidade e 14,3 km/l na estrada.

Ainda assim, segundo a Audi, é possível acelerá-lo de 0 a 100km/h em pouco mais de 5 segundos. Curiosamente, o SQ5 é maior que o Q5: são 4.62 metros de comprimento por 1,91 m de largura (contra 4,62 m por 1,89 m da versão convencional), com entre-eixos de 2,81 m (contra 2,80 no Q5); mas é também mais baixo graças ao rebaixamento do chassis em quase 30 mm. A velocidade máxima é restrita a 250 km/h.

Completam o pacote do Q5 com a letra S vermelha conjunto de suspensões com molas e amortecedores mais rígidos, soleiras de portas em alumínio, retrovisores com capa de alumínio, função antiofuscamento e memória de posição, frisos decorativos, rack de teto de alumínio, spoiler traseiro exclusivo e rodas de liga leve de 20 polegadas calçadas com pneus 255/45.

AQUECIMENTO

  • Martial Trezzini/EFE

    Antes do SQ5, o Brasil recebe a perua RS6, até o final de outubro. Num exercício de downsizing que alia eficiência sem abrir mão da performance, a station troca o antigo V10 pelo motor V8 4.0 com dois turbos gerando 560 cavalos. Tudo para fazer o 0-100 em 3,8 s.

 

 

Topo