Últimas de Carros

GM interrompe fabricação do sedã Prisma

Murilo Góes/UOL
O atual Prisma, vendido somente na versão LT com motor 1.4, vive apenas enquanto durarem os estoques imagem: Murilo Góes/UOL

Claudio Luís de Souza

Do UOL, em Bento Gonçalves (RS)

A General Motors parou de fabricar o sedã compacto Prisma. Lançado em julho de 2006 com a proposta de ser o "primeiro grande carro" do consumidor jovem (referência ao fato de ser o três-volumes do Celta, modelo de entrada da Chevrolet), o Prisma não resistiu à necessidade imediata de abrir espaço na fábrica de Gravataí (RS) para a fabricação do Onix.

Os Celta de duas e quatro portas seguem sendo feitos na unidade gaúcha da GM.

Como é comum na indústria automotiva, o Prisma desaparece não com uma explosão, mas com um suspiro. Durante a apresentação do Chevrolet Onix à imprensa aqui em Bento Gonçalves (RS), o sedã "desapareceu" do powerpoint que abordava presente e futuro de Gravataí. Nada foi dito oficialmente.

O vice-presidente da GM do Brasil, Marcos Munhoz, confirmou a UOL Carros que o sedã compacto não está sendo produzido. "Mas as vendas continuam", disse, referindo-se aos estoques nas concessionárias. Para evitar a insistência da reportagem, Munhoz prometeu uma "surpresa" para breve.

Não é difícil adivinhar qual é: trata-se do Onix sedã, que deve ser lançado no começo de 2013, talvez antecipando-se ao Hyundai HB20 três-volumes. Não é impossível que a GM dê uma de Volkswagen (Voyage, Santana, Fusca...) e mantenha o nome Prisma nesse novo carro. Mas, assim como o Onix, nada tem a ver com o Celta, um sedã é uma coisa, o outro é outra -- a começar da plataforma, a mesma do Cobalt.

  • Divulgação

    O Prisma  foi lançado em 2006 (1.4, foto), ganhou opção 1.0 em 2008 e passou por facelift em 2011

A julgar pela faixa de preços do Onix, que começa em R$ 29.990, o novo sedã poderia partir de cerca de R$ 31.490 (R$ 1.500 a mais). Hoje o Prisma começa em R$ 29.280 e vai a R$ 34.380.

No processo de enxugamento da gama Chevrolet, o número de sedãs ficaria inalterado: Classic, Onix/Prisma, Cobalt, Sonic, Cruze, Malibu e Omega. Sumiram Corsa e Astra, surgiram Cobalt e Sonic.

O Prisma foi lançado incialmente com motor 1.4. Em 2008 chegou a opção de 1 litro. Sofreu um facelift em 2011, ganhando o visual que mantém até hoje. Em 2008, já um produto maduro e com dois motores disponíveis, emplacou robustas 62.462 unidades. Este ano, até o final de setembro, foram 31.984, sempre segundo a Fenabrave (associação das concessionárias).

Viagem a convite da GM do Brasil 

Topo