Audi A1 Sportback quer recuperar público que rejeitou só duas portas

André Deliberato
Do UOL, em Itupeva (SP)

"Perdemos muitos clientes novos porque o A1 só tinha duas portas". Foi dessa forma que a Audi começou a apresentação, nesta sexta-feira (14), do A1 Sportback, a aguardada versão quatro portas do compacto. O objetivo da fabricante é aumentar as vendas do modelo -- hoje, em média, de 100 carros por mês -- para 180 unidades mensais. "Cerca de 75% da linha A1 deverá responder pelo modelo de quatro portas a partir de agora", diz a fabricante.

O carro completa a família A1 vendida no Brasil e terá duas configurações distintas: A1 Sportback Attraction, de R$ 94.900 com motor 1.4 turbo de 122 cv e 20 kgfm de torque; e A1 Sportback Ambition, por R$ 114.900, com compressor Roots no motor -- nesta versão, são 185 cv e 25 kgfm de torque a sorrateiros 2.000 giros. A versão duas portas também passa a usar o sobrenome Attraction e troca o Ambition pelo Sport. Os preços são os mesmos.

Veja mais fotos do novo Audi A1 Sportback
Veja Álbum de fotos

DIMENSÕES
Para receber as duas portas e aumentar ligeiramente o espaço traseiro, o A1 Sportback ganhou 1,2 cm de altura (1,42 m) e 1,3 cm de largura (1,75 m). As portas dianteiras foram substituídas por outras menores e o teto mudou de formato.O porta-malas manteve a mesma capacidade, de 270 litros.

IMPRESSÕES
UOL Carros
participou de rápido test-drive com a versão Ambition (a mais forte). Os "índices" de diversão e economia de combustível são os mesmos do A1 Sport: rápido e eficiente, o A1 Sportback de 185 cv é o patamar inicial para quem procura prazer ao dirigir e tem um cheque próximo dos R$ 115 mil. Quer ir mais afundo na avaliação do modelo? Clique aqui.

  • Compacto com motor 1.4 turbo de 185 cv tem fôlego de sobra na estrada e ainda bebe pouco

Parte do nosso test-drive foi no banco traseiro, atrás de um motorista com 1,90 m de altura. Óbvio que a proposta do A1 não é esbanjar conforto ao passageiro do banco de trás, mas se você quiser dar carona a amigos com um A1, correrá o risco de perder a amizade. O espaço é claustrofóbico. Nem tanto pelo espaço para as pernas, mais pela área da cabeça.

Um reclinação um pouco maior do banco deixaria a situação menos pior, mas sacrificaria bons litros do porta-malas. Se você é solteiro, casado ou tem um filho, ele é uma ótima escolha. Se a família ou a turma que sai para a balada forem grandes, estude outras opções.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos