Ford Ranger e novo EcoSport têm preços divulgados por concessionária

Do UOL, em São Paulo (SP)

A Ford fará, nos primeiros dias de julho (mais precisamente de 30 de junho, sábado, a 2 de julho, segunda-feira) seu primeiro lançamento do ano, com a apresentação à imprensa especializada da nova geração da picape média Ranger. A rede distribuidora da marca, porém, foi mais rápida: uma concessionária do nordeste divulgou, por conta, os preços de uma das versões da nova Ranger e de uma configuração do novo EcoSport, bem como as respectivas datas de chegada.

Seguindo dicas do blog Diário de BordoUOL Carros verificou o perfil no Facebook da Laguna Veículos, de Maceió (AL), que publicou os seguintes valores e informações: "Agora é oficial: Nova Ford Ranger 2013 XLT Automática Cabine Dupla a partir de R$ 120.400". A entrega é prometida para o final do mês de julho.

O perfil virtual da Laguna indica ainda que o novo EcoSport, que deve estrear logo após a picape, partirá de R$ 53.490 na versão S (de entrada), com motor 1.6 Sigma flex (o mesmo do New Fiesta), câmbio manual de cinco marchas, direção, vidros e travas elétricas e sistema Sync, de comunicação e entretenimento com acionamento por voz. 

Os valores teriam sido passado à rede distribuidora da Ford em evento interno realizado nesta quarta-feira (27).

  • Reprodução

    Acima, o perfil da concessionária na rede social com o preço intermediário da nova picape

PACOTES
Segundo o Auto Segredos, do jornalista Marlos Ney Vidal, a configuração XLT é o pacote intermediário da Ranger, que segue sendo fabricada na Argentina. Quando equipada com o câmbio automático (de seis marchas), ela traz ainda tração 4x4 e novo motor Duratorq 3.2 turbodiesel, de 200 cavalos e torque de 47 kgfm. Completam o conjunto airbag duplo frontal, freios com ABS (antitravamento) e EBD (distribuição eletrônica da frenagem), controles de tração e de estabilidade, além de bloqueio do diferencial traseiro.

Abaixo dela, estarão a Ranger XLS (motor 2.2 turbodiesel de 125 cv e torque de 32 kgfm ou Duratec 2.5 flex, com 173 cv e 24,7 kgfm de torque com etanol e cabine simples ou dupla) e a XLT flex (sempre cabine dupla e com o motor Duratec 2.5). Acima, a Limited com motor 2.5 flex ou 3.2 turbodiesel.

No caso do EcoSport, além da versão S já estão confirmadas a SE, a Freestyle e a Titanium (topo de linha), sempre com motor 1.6. Haverá ainda configurações com motor 2.0, sem detalhes revelados.

Vale lembrar que os valores e prazos de entrega revelados podem ser exclusivos da concessionária alagoana e diferentes dos praticados em outros pontos do país, por conta da variação estadual de ICMS e frete. Normalmente, Norte e Nordeste têm alíquota menor do imposto que as regiões Sul e Sudeste, mas maior do que no Centro-Oeste e Zona Franca de Manaus.

  • Reprodução

    Novo Eco também teve preço da versão de entrada S vazado

MARCHA LENTA
Apesar do vazamento dos preços pela rede, o comportamento errático da Ford segue sendo estranho, sobretudo quando se analisam dois aspectos: a moderna linha que a matriz mantém no exterior com a premissa de fazer carros globais (a marca, aliás, foi uma das atrações do último Salão de Detroit), e a intensidade com que as rivais se apressam para ganhar ou recuperar espaço no mercado brasileiro, fazendo de 2012 um ano quente, apesar dos percalços econômicos.

UOL Carros, que estará presente ao lançamento da Ranger e trará todas as informações aos seus leitores, já chamou a atenção para o ritmo letárgico -- poucos lançamentos, muitos atrasos -- da quarta grande fabricante do país em diversas oportunidades. A últimas delas durante a enésima ação de marketing (onde se mostra, mas não se lança) do novo EcoSport, realizada num shopping-center de São Paulo (leia aqui). A segunda geração do SUV compacto, aliás, deve estrear pouco depois da picape média. Se nada mais acontecer.

Enquanto isso,  a Chevrolet, por exemplo, mostra um produto novo atrás do outro, com espaço de dois meses ou menos entre cada atração -- aliás, a marca apresenta nesta quarta e quinta-feira (27 e 28) a minivan Spin, que aposenta Meriva e Zafira com variações de cinco e sete lugares (em breve, teremos a cobertura completa).

Renault e Nissan também estão mexendo em seus catálogos e, juntas, já deixaram a Ford para trás há algum tempo. Agora, tentam fazer o mesmo em separado.

A Hyundai é outra que avisou mais de uma vez: pretende destronar a Ford após a chegada de seu modelo compacto, conhecido atualmente por projeto HB e que virá na forma de hatch (a ser mostrado em outubro), sedã (no começo de 2013) e SUV compactos (a médio prazo). Por ora, aposta nos mercados premium e de luxo com diversas estreias (por exemplo, o Equus).

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos