Últimas de Carros

Motos já são tema de restaurantes, barbearias e estúdios de tatuagem

Guilherme Silveira

Da Infomoto

Mais do que apenas motos, o universo sobre duas rodas tem atmosfera própria, que engloba comportamento, serviços, roupas, acessórios e lazer. Atentas a esta crescente tendência de lifestyle, oficinas renomadas na customização de motos têm investido em espaços amplos e multidisciplinares, que reúnem tudo o que um motociclista gosta: bar, lanchonetes, estúdio de tatuagem e até barbearia são alguns serviços oferecidos. Para atrair um público cada dia mais descolado, este expediente também foi utilizado por marcas como Ducati e Triumph na última edição do Salão Duas Rodas.

Para certificar o sucesso desta receita, tome a Harley-Davidson como base. Principal fabricante de customs, a marca norte-americana supre boa parte de seus rendimentos vindos tanto dos acessórios para as motos como também de jaquetas, botas, óculos e outros itens de vestuário.

Terra da garoa

A cidade de São Paulo -- mais especificamente a Vila Olímpia, bairro da zona sul -- tem se revelado o principal cenário deste tipo de oficinas, ampliadas de modo a poder agregar serviços e atrações, como shows e baladas.

Inaugurada em setembro, "A Caverna", do ex-piloto de Formula 1 e customizador Tarso Marques, é o mais novo endereço. O local chega como concorrente do Johnnie Wash, tradicional oficina custom, lavagem e lanchonete, que tem dez anos e se mudou recentemente, para a mesma rua de "A Caverna", inclusiva. O  Johnnie Wash também foi ampliado e passou a oferecer serviços conjugados com o Juicy J (Gastropub), como cabelereiro, ótica e joalheria, além do serviço de bar.

"A Caverna" também aposta no "barber shop", mas se diferencia pelo pub e por um estúdio de tatuagem. Em ambos há dias de shows (sexta no Wash; quinta e sábado na Caverna), portanto caso a empolgação tome conta do motociclista, há a boa "sacada" de se poder deixar a moto no local para pegá-la no outro dia.

Tarso Marques diz que seu novo empreendimento é sonho antigo, um local feito à sombra de sua personalidade e sem designer para decoração. "Poucos sabiam, mas era onde eu morava e também funcionava uma segunda oficina a portas fechadas. Aprimorei o projeto por um tempo e resolvi criar uma sinergia entre objetos, serviços apropriados para os motociclistas e, claro, a garagem custom, uma paixão. É o tipo do lugar com clima de amigos; não necessariamente uma balada, mas bem frequentado", relata.

Divulgação
Oficinas oferecem bares, lanchonetes, cabelereiros e até estúdio de tatuagem a clientes imagem: Divulgação

Atraindo pelo estômago

Outra oficina renomada em São Paulo, a "Shibuya Garage" customiza motos há 13 anos. Há alguns meses, mudou da Av. Doutor Arnaldo para a Vila Olímpia, quando aproveitou para abrir um bar/hamburgueria na entrada da garagem.

Segundo Maurício Marques, um dos sócios, o novo negócio veio de uma necessidade que nasceu no antigo endereço. "Aos finais de semana o pessoal começava a se reunir, tomar cerveja, assar uma carne... na hora que víamos, estava rolando uma festa", revela. Ainda nas palavras do empresário, o bar tem agregado em torno de 30% dos novos clientes da loja, que fazem um "tour" pelas instalações e aprovam os serviços.

"A Shibuya visa clientes mais alternativos, que realmente usam a moto no dia-a-dia. Com o bar, este indivíduo fica em contato direto com profissionais do setor, faz amizades com quem está nesse meio e sente-se permeado por todo esse universo", completa. A ideia tem dado tão certo, que às quintas e sextas o local abre para shows de rock, blues e hip-hop.

No Paraná

Curitiba começa a tomar a mesma rota desta cena e, há alguns meses, inaugurou a oficina "Legend Motors". Além dos extensos projetos de personalização em motos e carros de alto valor, o espaço agrega um food truck junto de sua fachada.

Além de saciar a fome da clientela durante as quartas de show, o furgão funciona como ferramenta de marketing móvel ao comparecer em eventos da região, como os feitos por marcas como Triumph e Harley-Davidson.

A estratégia já tem mostrado frutos e, caso continue o sucesso, o próximo passo será a abertura de um bar. Em outras palavras, diante desta nova tendência, quem gosta de moto e busca novos ambientes não precisa mais necessariamente se inscrever em motoclubes, algo que sempre foi extremamente comum no Brasil.

Divulgação
Legend, em Curitiba (PR), é um lugar para fãs de moto que buscam local diferenciado imagem: Divulgação

Topo